Giphy e Facebook

Compra do Giphy pelo Facebook vai ser investigada no Reino Unido

Nina Gattis, editado por Daniel Junqueira 12/06/2020 17h40
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Órgão que regula o direito à concorrência entendeu que a fusão dá uma vantagem anticompetitiva ao Facebook

Pouco menos de um mês após o Facebook anunciar a aquisição do Giphy, banco de dados de GIFs, por US$ 400 milhões, a Autoridade de Concorrência e Mercados (CMA, na sigla em inglês) do Reino Unido começou a investigar a fusão.


Em resposta, um porta-voz do Facebook já disse à Reuters que a plataforma estava "preparada para mostrar aos órgãos reguladores que essa aquisição é positiva para consumidores, desenvolvedores e criadores de conteúdo". O mesmo deve acontecer com um órgão similar na Austrália.

"Este não é apenas um antigo fornecedor de GIF, é o maior, mais importante e ficamos surpresos por não termos sido notificados pelo Facebook dessa aquisição", disse Rod Sims, presidente da Comissão Australiana de Concorrência e Consumidores (ACCC, na sigla em inglês). "Se, quando analisamos, temos preocupações, então obviamente precisamos tomar uma ação judicial", completou.

Anteriormente, a revista Wired já havia argumentado que a compra do Giphy pelo Facebook daria uma vantagem anticompetitiva à plataforma sobre os concorrentes.

Via: Android Central

Facebook Austrália Reino Unido Investigação GIFs
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você