STF suspende bloqueio do WhatsApp no Brasil

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, decidiu derrubar a decisão da justiça do Rio de Janeiro que ordenou o bloqueio do WhatsApp em todo o território brasileiro apartir desta terça-feira, 19 de julho. 

De acordo com o Globo, a decisão de Lewandowski partiu da análise de uma ação do Partido Popular Socialista (PPS). O partido recorreu hoje ao STF para que fosse suspensa imediatamente a ordem judicial que determinou o bloqueio do aplicativo no Brasil. Segundo o partido, essa determinação fere as liberdades de expressão e manifestação defendidas na Constituição.

A ação do PPS havia sido protocolada em maio, quando do último bloqueio do aplicativo. No entanto, com o bloqueio de hoje, o partido acrescentou uma petição à ação original para derrubar a decisão da justiça do Rio de Janeiro. Na argumentação do partido, "Há óbvia desproporcionalidade no caso, pois uma infinidade de consumidores está sendo lesada a cada minuto que passa, tendo cerceado seu direito a se comunicar livremente, sem restrições".

O presidente do STF considerou que o bloqueio do aplicativo foi uma medida desproporcional. Isso porque o serviço é utilizado de forma abrangente. Em outras palavras, seu bloqueio acabaria por afetar muitos usuários que dependem do serviço. Lewandowski argumentou ainda que o bloqueio fere a segurança jurídica.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ