Novos ônibus de viagem ganham tecnologia de ponta dos carros de luxo

Acidentes com ônibus são quase sempre trágicos – seja pelo estrago causado pelo tamanho do veículo ou pelo número de passageiros mortos e feridos. Desde 2011, o Brasil e outros 152 países abraçaram uma causa da ONU e se comprometeram a fazer o possível para reduzir pela metade o número de mortes no trânsito até 2020. O desafio é grande; e um dos acidentes que mais mata são os que envolvem ônibus de viagem.

Entre diversas medidas governamentais de educação no trânsito, a novidade são tecnologias de última geração que começam a migrar dos carros de luxo para os ônibus rodoviários no Brasil. Se por um lado a principal causa desses acidentes são erros humanos, por outro, soluções tecnológicas inéditas em ônibus prometem ser um grande salto na direção dessa meta de salvar mais vidas e evitar tragédias nas estradas.

Este é um dos ônibus mais modernos da América Latina. Produzido em solo nacional, ele sai de fábrica assim, ainda sem carroceria, mas recheado de novas tecnologias. Exigências que vão virar lei nas estradas da Europa a partir de 2018 já estão em funcionamento neste veículo. A principal novidade é o Sistema de Frenagem de Emergência.

Radares e sensores instalados na parte dianteira do ônibus identificam veículos parados ou em movimento até 200 metros de distância. Algoritmos inteligentes embarcados no ônibus avaliam a velocidade, ações nos pedais e a distância dos veículos à frente e identificam, em tempo real, o risco de colisão.

Os veículos já saem de fábrica com ABS nos freios, o que impede que as rodas travem em uma frenagem brusca de emergência. Mais recente é o Sistema de Aviso de Faixa que detecta instantaneamente uma mudança de faixa não intencional do motorista. Uma câmera instalada no para-brisa detecta a posição do ônibus e identifica as faixas de rolagem: contínuas ou tracejadas. O primeiro alerta é visual, no computador de bordo do veículo...

Em conjunto com o Controle Eletrônico de Estabilidade, as suspensões pneumáticas do ônibus controladas eletronicamente são capazes de evitar o tombamento do veículo. E para ter um controle maior de todo o carro durante a condução, o motorista ainda conta com o Sistema de Monitoramento da Pressão e Temperatura dos Pneus.

Por enquanto, essas novidades são opcionais e estão disponíveis nos modelos top de linha da montadora alemã. Mas se mais de 150 países estão engajados em diminuir acidentes rodoviários e reduzir as mortes em 50%, a tecnologia é indispensável. O dia que forem todos assim “hi-tech”, as viagens certamente se tornarão mais seguras, tranquilas e dignas de um bom cochilo...



RECOMENDADO PARA VOCÊ

Programas na íntegra

Confira o Olhar Digital Plus [+] na íntegra

Confira o Olhar Digital Plus [+] na íntegra

22/07/17 19h00

Cinema brasileiro enfrenta os desafios da Realidade Virtual Tecnologia vira ferramenta para controlar crises de ansiedade Compra e venda de likes e... saiba mais