EnglishPortugueseSpanish
publicidade

O CEO da Apple, Tim Cook, o CEO da Tesla, Elon Musk, o CEO da Alphabet, Larry Page, e o criador do Napster, Sean Parker, participaram de um evento fechado cujo tema central era impedir a candidatura de Donald Trump à presidência dos Estados Unidos pelo Partido Republicano.

De acordo com o Business Insider, o American Enterprise Institute’s Annual World Forum é um evento que acontece em uma ilha privada na costa da Geórgia e não permite participação da imprensa. Por isso, o relatório divulgado não deixa muito claro até que ponto os líderes tecnológicos discutiram sobre as eleições de 2016.

publicidade

Além dos cabeças das gigantes da tecnologia, outros representantes de corporações privadas e políticos também estiveram presentes na reunião. O comentarista político Bill Kristol informou que a conclusão do encontro é que o grupo não vê Trump como um presidenciável.

Vale lembrar que em fevereiro, Trump tentou encabeçar um boicote aos produtos da Apple como uma forma de responder à negativa da companhia para colaborar com o FBI, o que colocou muitas empresas do Vale do Silício contra o futuro candidato.

Cook ainda entrou em um debate com o senador republicano Tom Cotton, sobre a recente batalha da Apple com o FBI. O senador teria sido hostil com o CEO da Apple ao apoiar as tentativas do governo de obrigar a companhia a fornecer ferramentas para desbloquear iPhones.

publicidade