A bitcoin foi qualificada como dinheiro por uma juíza federal norte-americana uma decisão ligada a um processo criminal de ataques de hackers contra o banco JP Morgan e outras empresas.

A juíza Alison Nathan rejeitou o pedido para recusar acusações relacionadas à sua suposta operação da Coin.mx, que promotores consideraram uma bolsa de bitcoins sem licença.

publicidade

O réu Anthony Murgio, que é acusado de participa de um esquema de pagamento de subornos para permitir que os operadores do câmbio bitcoin ganhassem o controle de uma cooperativa de crédito, argumentou que a bitcoin não se qualificaria como “fundos” sob a lei federal que proíbe operações de negócios para transmissão de dinheiro sem licença.

Mas a juíza considerou que a moeda virtual se encaixava na definição. “Bitcoins podem ser aceitas como pagamento para bens e serviços ou compradas diretamente de uma bolsa com uma conta bancária. Elas funcionam como recursos pecuniários e usadas como meio de troca e de pagamento”.

Via Fortune