EnglishPortugueseSpanish

A sonda Insight da Nasa, equipada com um sismômetro, conseguiu registrar a primeira provável ocorrência de um “terremoto” em Marte no mês de abril. Agora, nesta terça-feira (2), a Nasa compartilhou mais alguns sons captados com o sismômetro incrivelmente sensível “SEIS” (Experimento Sísmico para Estrutura Interior).

Os sons são de dois terremotos diferentes, um que ocorreu em 22 de maio e outro que ocorreu em 25 de julho. Eles têm magnitude 3,7 e 3,3, respectivamente. Segundo a Nasa, o áudio foi acelerado e processado para se tornar audível pelos fones de ouvido.

publicidade

No início você pode escutar o vento na superfície de Marte junto com movimentos do braço robótico do Insight, logo depois vem o som do terremoto em si, que é intercalado com mais ruídos de vento e da sonda.

Segundo a Nasa, os sons sugerem que a superfície de Marte é uma mistura da crosta da Terra com a da Lua, estando mais próxima da última. Isso porque as ondas sísmicas em Marte duram cerca de um minuto, enquanto terremotos na Terra podem ir e vir em segundos.

No futuro, a ideia é obter ainda mais informações sobre a estrutura interna do Planeta Vermelho, incluindo aspectos como densidade e espessura da crosta, manto e núcleo. Essas descobertas são essenciais para os cientistas entenderem como aconteceu a formação dos planetas no sistema solar.

publicidade

“Tem sido emocionante, principalmente no início, escutar as primeiras vibrações da sonda”, disse Constantinos Charalambou, membro do time de cientistas do Insight. “Você imagina o que realmente está acontecendo em Marte, enquanto o Insight fica em campo aberto”.

Via: Cnet