Ao criar uma senha, o ideal seria que todos pensassem em uma combinação de caracteres fácil de lembrar e difícil de adivinhar, por questão de segurança de seus próprios dados. No entanto, nem todo mundo tem essa preocupação na hora de se proteger na internet, como prova a lista das piores senhas do mundo em 2019.

O ranking foi organizado pela empresa de segurança digital corporativa SplashData. Ele mostra as 100 piores senhas que você pode usar ao criar um cadastro em algum serviço. Boa parte dos itens no topo do ranking são velhos conhecidos como “password” e “123456”.

publicidade

No entanto, a empresa não revela exatamente qual metodologia utilizou para definir quais senhas eram piores do que as outras. Uma técnica possível seria a análise de bancos de dados vazados de sites e serviços online, que são facilmente encontrados em fóruns especializados em cibercrime.

De qualquer forma, não é difícil entender os motivos que colocam as senhas que estão no topo da lista neste lugar. São todas expressões simples, sem caracteres especiais, ou utilizando uma sequência numérica óbvia, que não depende de muito pensamento para tentar adivinhar.

Veja o top 20 abaixo. Se quiser, você pode conferir a lista completa neste link para ver do 51º ao 100º lugar e neste link para ver o top 50.

20. 888888

19. 7777777

18. lovely

17. 555555

16. 654321

15. qwertyuiop

14. admin

13. 1q2w3e4r

12. qwerty123

11. abc123

10. 123123

9. 111111

8. iloveyou

7. 12345

6. 12345678

5. 1234567

4. password

3. qwerty

2. 123456789

1. 123456

Se, por um acaso, uma senha sua consta na lista, é hora de pensar em mudá-la, já que ela não oferece segurança nenhuma. Utilize palavras-chave mais longas, misturando letras e números, e de preferência, sem usar palavras presentes no dicionário. Se a ideia de uma senha mais complexa, com caracteres especiais e símbolos te deixa confuso, existem bons gerenciadores que podem ajudar nesse processo. Entre eles estão o LastPass, o 1Password e outros.

Se quiser dar um passo além em sua segurança digital, pare de depender apenas da sua senha. Configure também uma autenticação em duas etapas para uma camada extra de proteção. Existem diferentes métodos, como um código enviado por SMS (menos recomendado), um aplicativo gerador de códigos instalado no seu celular (mais recomendado), ou simplesmente aprovar uma notificação recebida no smartphone.