EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Pobre Tim Cook. O CEO da Apple recebeu em 2019 um salário total quase 10% menor que em 2018. De acordo com informações da Bloomberg, o executivo recebeu US$ 3 milhões em salário (cerca de US$ 250 mil, ou pouco mais de R$ 1 milhão, por mês), e US$ 884.466 em compensações e reembolsos, incluindo despesas com segurança e viagens aéreas.

O bônus anual por desempenho foi de US$ 7,7 milhões, e Cook também recebeu US$ 113,5 milhões em ações negociáveis da empresa. No total, ele recebeu o equivalente a US$ 125 milhões, pouco mais de meio bilhão de reais (R$ 509.210.000, para sermos exatos)

publicidade

No ano passado o CEO recebeu US$ 136 bilhões. A principal diferença foi o bônus, que foi de R$ 12 bilhões, já que a empresa superou metas de lucro e vendas por uma margem maior do que neste ano.

Tim Cook tem uma fortuna avaliada em US$ 1,3 bilhão, e já anunciou que pretende doar a maior parte deste valor antes de morrer, reservando uma quantia para garantir a educação de seu sobrinho. Na semana passada ele doou o equivalente a US$ 2 milhões a uma instituição de caridade não identificada.

Fonte: Bloomberg

publicidade