EnglishPortugueseSpanish
publicidade

O Google está modificando algumas regras da Play Store para tornar mais claro para os consumidores os termos de apps que exigem ou oferecem assinaturas. A ideia é eliminar apps mal-intencionados, que enganam os usuários para que assinem um serviço sem expor claramente preços, prazos e condições.

Desenvolvedores terão de informar aos usuários, de forma clara, se uma assinatura é necessária para acessar todos os recursos de seu app. Além disso, terão de fornecer mais informações sobre os termos e condições associados a quaisquer períodos de testes grátis.

publicidade

Reprodução

Por sua vez, o Google irá avisar os usuários sempre que um período de testes ou preço especial estiver prestes a terminar, bem como antes da renovação de assinaturas de longo prazo, aquelas com planos de três, seis ou doze meses. Usuários também serão avisados que, desinstalar um app não cancela automaticamente a assinatura.

Esta é a segunda vez no ano que o Google intervém contra apps que prejudicam os consumidores. Em fevereiro, a empresa removeu do Google Play 600 apps que violavam suas políticas de publicidade, mostrando anúncios em formatos, momento ou frequência inadequados.

Fonte: The Verge

publicidade