EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Segundo Elon Musk, CEO e fundador da SpaceX, um teste beta público da rede Starlink, que visa oferecer internet via satélite com alta velocidade e cobertura global, entrará em funcionamento “em seis meses”.

A rede ainda estará incompleta: atualmente apenas 420 dos mais de 12 mil satélites que irão compor as duas primeiras etapas da constelação estão em operação. Por isso, os primeiros testes do serviço terão cobertura limitada: serão realizados em locais de alta latitude, mais distantes do Equador.

publicidade

Via tweet, Musk afirmou que antes disso, em três meses, haverá um “beta privado”, sem mais detalhes. O executivo foi o primeiro “usuário” da rede, ao enviar um Tweet usando uma conexão via Starlink em outubro passado.

A expectativa é que os 12 mil satélites da Starlink estejam em operação em 2027. Mas a SpaceX já está de olho na expansão da rede: em outubro passado a empresa encaminhou à União Internacional de Telecomunicações (ITU) um pedido de autorização para o lançamento de mais 30 mil satélites.

Fonte: Futurism