EnglishPortugueseSpanish

Para muito além do “ok, Google“, a empresa quer tornar seu assistente pessoal ainda mais pessoal, e permitirá que o Google Assistente seja configurado de maneira que os aparelhos da casa consigam diferenciar as vozes dos usuários uns dos outros.

Ao ativar o Voice Match, o usuário terá que falar frases mais completas para ensinar o sistema a reconhecer sua voz, e assim para receber resultados personalizados, como lembretes de calendário e playlists favoritas. Até seis pessoas podem ser vinculadas ao mesmo tempo a um único dispositivo compatível com o Google Assistente.

publicidade

Para adaptar o Google Assistente a ambientes que possam ser barulhentos, a empresa ainda lançou um novo recurso que permite ajustar o grau de sensibilidade das caixas de som ou monitores inteligentes. Isso evita que conversas paralelas ou outros sons possam ser confundidos pelo Assistente como uma solicitação ou uma ativação não intencional.

Essas novidades estarão disponíveis nas próximas semanas, de acordo com a empresa, e estarão acessíveis através das configurações do app Google Home. Inicialmente o recurso só terá suporte em inglês, com mais idiomas sendo incluídos no futuro.

Via: Google