EnglishPortugueseSpanish
publicidade

O projeto da Alphabet, empresa-mãe do Google, de transformar a orla marítima de Toronto, no Canadá, em um bairro futurista, não vai mais vingar. Sua subsidiária Sidewalk Labs anunciou nesta quinta-feira (7) que desistiu do plano devido à atual crise global.

“Como a incerteza econômica sem precedentes se instalou em todo o mundo e no mercado imobiliário de Toronto, ficou muito difícil de tornar o projeto financeiramente viável sem sacrificar as partes principais do plano”, afirmou Daniel Doctoroff, presidente e CEO da Sidewalk Labs, em um post no blog da empresa.

publicidade

A companhia começou a trabalhar no projeto do bairro Quayside em 2017, se comprometendo com mais de US$ 50 milhões no financiamento inicial. O objetivo da ação era usar tecnologia para reduzir o congestionamento do tráfego, as emissões de carbono e os resíduos de aterros.

Reprodução

Ilustração do projeto. Foto: Sidewalk Labs

No entanto, o plano logo gerou polêmica por conta de preocupações com a quantidade de dados de cidadãos que seriam coletados, sendo amplamente criticado por políticos e defensores da privacidade. Uma das ideias era instalar sensores em cruzamentos, rastreando o movimento de todas as pessoas e veículos.

publicidade

Apesar deste projeto não ter dado certo, o CEO da Sidewalk Labs declarou que a empresa continuará focada em projetos de cidades inteligentes e relacionados. “Embora não estejamos realizando esse projeto em particular, a atual emergência de saúde nos faz sentir ainda mais fortes sobre a importância de reimaginar as cidades para o futuro”, finalizou.

Via: CNN