EnglishPortugueseSpanish

A Uber vai lançar uma nova opção em São Paulo: a partir do mês que vem, clientes do aplicativo vão poder usá-lo para chamar um táxi, além dos motoristas particulares já disponíveis.

Chamado Uber Taxi, o recurso permitirá que taxistas credenciados na prefeitura ofertem seus serviços através do aplicativo. O valor das corridas vai seguir as tarifas dos táxis, com o preço sendo calculado pelo taxímetro.

publicidade

Ao final da corrida, o taxista informará o valor cobrado dentro do aplicativo, e o pagamento será feito digitalmente com base nas formas cadastradas pelo usuário.

A Uber diz que a novidade atende a uma demanda de clientes corporativos, que poderão aproveitar das facilidades oferecidas pelo aplicativo, como compartilhamento de viagem em tempo real, sem precisar recorrer a um dos motoristas de carros particulares.

Por enquanto, apenas São Paulo deve receber a novidade. A capital paulista é a segunda cidade da América Latina a contar com o recurso. Desde que foi lançado há cinco anos, o Uber Taxi já chegou a 22 países, incluindo cidades como Seul, Montreal, Sydney e Madri.

Expansão dos serviços

A nova modalidade é apenas um dos novos serviços que a Uber vem oferecendo nos últimos tempos. No começo de julho, a empresa anunciou entregas de compras de supermercado para 11 cidades do país.

publicidade

Pelo aplicativo Uber Eats, moradores de São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre, Salvador, Recife, Brasília e Goiânia podem solicitar que entregadores façam as compras e levem até a residência.

Em tempos de pandemia, o recurso é visto como uma forma de incentivar as pessoas a ficarem em casa e ainda assim contem com todos os produtos necessários para o dia a dia.