EnglishPortugueseSpanish

Segundo relatório desenvolvido pela Omidia, a Samsung está deixando, aos poucos, de dominar o mercado de smartphones. A partir do levantamento de vendas semestral, é possível notar que o Galaxy A51 é o único celular da fabricante que figura entre os 10 aparelhos mais vendidos de 2020. Durante o mesmo período de 2019, a marca tinha quatro dispositivos neste ranking.

Especialistas afirmam que a pandemia da Covid-19 foi a grande responsável pela diminuição de vendas da Samsung, o que consequentemente a tirou do ranking de smartphones mais vendidos no ano.

publicidade

No primeiro semestre deste ano, foram vendidas 11,4 milhões de unidades do Galaxy A51, na segunda colocação da lista, com Apple e Xiaomi dominando o restante das posições:

  1. Apple iPhone 11
  2. Samsung Galaxy A51
  3. Xiaomi Redmi Note 8
  4. Xiaomi Redmi Note 8 Pro
  5. Apple iPhone SE (2020)
  6. Apple iPhone XR 
  7. Apple iPhone 11 Pro Max
  8. Xiaomi Redmi 8A
  9. Xiaomi Redmi 8
  10. Apple iPhone 11 Pro

 

ReproduçãoCelulares da Samsung são muito populares, mas os preços não são muito amigáveis. Créditos: Olhar Digital

Para a Samsung, esse resultado é extremamente prejudicial para projetos futuros e na concorrência direta com a Apple. Enquanto as vendas dos celulares da marca seguem em queda livre, a empresa rival segue em alta com o lançamento do iPhone 11, conseguindo números ainda mais expressivos com o iPhone SE, modelo que promete um bom custo-benefício.

publicidade

Galaxy M51

Recentemente, vazaram as especificações do novo modelo da Samsung, o Galaxy M51. A marca foi bastante discreta com o lançamento iminente do smartphone. Postado para pré venda no site oficial da Samsung na Alemanha, o aparelho chega ao consumidor por 369 euros, cerca de R$ 2.310 na cotação atual.

O Galaxy M51 vem com tela FHD+ Super AMOLED de 6,7 polegadas e câmera frontal de 32 megapixels. Na parte traseira existe um conjunto de câmeras com 64, 12 e duas com 5 megapixels de resolução. Seu grande destaque está na bateria de 7.000mAh, uma das mais potentes do mercado.

Fonte: 9to5Google