EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Após uma estadia de seis meses a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS), três astronautas retornarão à Terra na noite desta quarta-feira (21). O pouso está agendado para as 23h55 (horário de Brasília) e será transmitido ao vivo pelo canal da Nasa no YouTube.

publicidade

O trio é formado pelo americano Chris Cassidy, da Nasa, e pelos russos Anatoly Ivanishin e Ivan Vagner, da Roscosmos. Eles deixaram a Terra logo no início da pandemia, em abril, e desde então têm vivido no espaço, bem longe da crise sanitária.

Cassidy, Vagner e Ivanishin saíram de um mundo assustado com a Covid-19, quando não se conhecia quase nada sobre a doença e as medidas de prevenção ainda eram incertas. Agora, retornam a uma sociedade bem mais estruturada no combate ao vírus, com medidas bem definidas de distanciamento social e uso de máscaras – e, infelizmente, marcada pelo luto de uma imensa lista de mortes.

Por esse motivo, é curioso imaginar quais serão as primeiras impressões do trio ao se inserir novamente no cotidiano terrestre, embora a vida na ISS incluísse alguns elementos bem conhecidos aqui embaixo, também.

Exemplo disso é a foto que Cassidy postou no Twitter vestindo uma máscara, treinando para se adaptar à nova realidade que vai enfrentar no retorno.

publicidade

Além disso, o dia a dia no espaço é um constante isolamento social. Desde a chegada em 9 de abril, o trio passou grande parte do tempo sem companhia, exceto por quando os astronautas Bob Behnken e Doug Hurley se juntaram a bordo durante a missão Demo-2.

“Foi fantástico ter amigos à mesa para refletir sobre o dia, pensar sobre o amanhã e falar sobre os eventos mundiais”, disse Cassidy sobre os colegas.

Reprodução

Trio de astronautas está na ISS desde abril. Imagem: Divulgação/Nasa

A visita, porém, foi curta, e não demorou para que eles ficassem em “isolamento” novamente. Não mais. O trio deve tomar seus assentos na cápsula russa Soyuz nesta quarta por volta das 17h. Às 19h30, a nave será desacoplada da estação e se distanciará lentamente pelas próximas duas horas e meia, até que, às 22h, os motores finalmente serão ligados para a descida em direção ao deserto do Cazaquistão.

Enquanto isso, a ISS abriga outro trio de astronautas: a americana Kate Rubins e os russos Sergey Ryzhikov e Sergey Kud-Sverchkov, que ficarão por lá até abril. A Nasa também pretende lançar mais quatro cientistas em novembro na missão Crew-1, emblemática por consolidar a parceria comercial entre a agência espacial e a SpaceX

Via: The Verge