EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Apenas meio ponto percentual separa o iOS 14 de superar seu predecessor, o iOS 13. Segundo levantamento feito pela empresa de análise Mixpanel, a última versão do sistema operacional móvel da Apple já se encontra instalada em 46,07% dos dispositivos compatíveis, enquanto a geração que o precede segue estagnada em 46,57%. Mais além, a Mixpanel informa que, ao longo de toda a semana passada, o iOS 14 superou o iOS 13 em vários momentos em análises conduzidas de hora em hora.

Com base nos números divulgados, a expectativa é a de que o novo sistema operacional da Apple ultrapasse seu predecessor entre quinta (29) e sexta-feira (30), mantendo um crescimento contínuo mesmo após isso ocorrer. Outros números da Mixpanel mostram que 7,36% dos dispositivos estão rodando em versões anteriores ao iOS 13, mas estes provavelmente migrarão para a nova versão caso migrem para o iPhone 12.

publicidade

Reprodução

O iOS 14 está em vias de superar seu predecessor, embora o ritmo de sua adoção seja mais lento que nas gerações passadas. Imagem: Apple/Reprodução

Mesmo com os números favoráveis, a velocidade de adoção do iOS 14 é mais lenta se comparada às gerações anteriores: o iOS 13, por exemplo, atingiu 50% da base instalada de dispositivos em 16 de outubro de 2019. A informação vem como uma surpresa, considerando o volume compreensivo de novidades inauguradas na nova versão.

No iOS 14, os usuários ganharam uma gaveta de aplicativos chamada de “Biblioteca de apps”, que se mostra bem inteligente e é facilmente acessada ao navegar pelas páginas da tela inicial do sistema, ocultando apps instalados da tela inicial sem desinstalá-los.

publicidade

Um novo jeito para atender ou rejeitar uma ligação também aparece na nova versão: agora, ao invés da notificação da chamada ocupar a tela inteira, você vê apenas uma pequena mensagem no topo da tela de que uma ligação está sendo efetuada e pode atendê-la ou rejeitá-la sem parar o que estava fazendo no celular.

Outros recursos permitem a inserção de legendas nas fotos (para facilitar a sua busca no app “Fotos”), busca de emojis, reconhecimento de sons para acessibilidade entre outras novidades.

Fonte: Macrumors