EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A Covid-19 não deve dar trégua neste início de ano. O Ministério da Saúde japonês afirmou, no domingo (10), que encontrou uma nova variante do coronavírus em pessoas que chegaram do Brasil, diferente das já identificadas no Reino Unido e na África do Sul e que se mostraram altamente infecciosas.

A variante foi encontrada em testes no aeroporto de Haneda, em Tóquio, em quatro viajantes que estiveram no estado do Amazonas, e retornaram ao Japão em 2 de janeiro. São eles: um homem na casa dos 40 anos que teve dificuldades em respirar, uma mulher por volta dos 30 com dores de cabeça e garganta,  e dois adolescentes assintomáticos.

publicidade

“No momento, não há provas de que a nova variante encontrada nos brasileiros seja altamente infecciosa”, disse Takaji Wakita, diretor do Instituto Nacional de Doenças Infecciosas do Japão (NIID, na sigla em inglês), em um comunicado. 

japoneses em tóquio lidando com a pandemia do novo coronavírus
Nova variante do coronavírus foi identificada em Tókio. Foto: Rodrigo Reyes Marin/Shutterstock

O governo japonês segue analisando a nova versão do vírus em conjunto com outras nações, a Organização Mundial da Saúde (OMS) e mais especialistas médicos. O país também investiga se as vacinas disponíveis são eficazes contra a nova variante do coronavírus. 

Covid-19 no Japão

Cerca de 30 casos de variantes do Reino Unido e da África do Sul foram relatados anteriormente no Japão. Os especialistas estão preocupados, pois, elas parecem se espalhar mais rapidamente.

Na última quinta-feira (7), o Japão declarou estado de emergência na área de Tóquio, pedindo que restaurantes e bares fechem às 20h. No entanto, alguns reclamaram que a medida não é suficiente, observando que as estações de trem e restaurantes ainda estão lotados, inclusive à noite.

publicidade

O país teve cerca de 4 mil mortes em decorrência da Covid-19 até agora, e mais de 280 mil casos confirmados.

Via: Agência Brasil/Associated Press