Com a internet cada vez mais presente no dia a dia, a quantidade de informações disponível aumentou brutalmente. Porém, nem toda notícia presente nas redes é confiável, muitas podem se tratar de mentiras, as famosas “fake news”. Visando evitar a disseminação dessas notícias falsas, o Google vem tomando uma série de medidas e, recentemente, divulgou quatro dicas essenciais para averiguar a veracidade de alguma informação e a ajudar os usuários a encontrarem fontes seguras.

Entre as medidas mais populares no combate a desinformação, o Google projeta seus produtos para destacar todo conteúdo produzido por fontes oficiais, como órgãos governamentais, empresas jornalísticas de todos os tamanhos, a Organização Mundial da Saúde (OMS).

publicidade
Informação de qualidade? Google ajuda a encontrar fontes seguras
Buscando informação de qualidade? Veja como encontrar fontes seguras. Créditos: Shutterstock

A plataforma também visa banir todo conteúdo que vá em desencontro com as políticas da empresa, como, por exemplo, anúncios que incentivam as pessoas a não buscarem tratamento médico, ou que até mesmo indicam substâncias nocivas à saúde.

Veja mais!

Veja 4 dicas para garantir que está consultando fontes seguras:

1 – Confira o site que está se informando

A primeira dica do Google pode até parecer óbvia, mas com a quantidade de sites falsos, é importantíssimo conferir o site ou portal em que você está consultando. Também é essencial verificar de onde aquela informação foi tirada. Existe base para que o está descrito no texto? Vale consultar!

2 – Investigue a fonte

Continuando o tópico anterior, a busca por uma fonte segura é imprescindível para a obtenção de uma informação de qualidade. Quem está dizendo isso? Qual a qualificação ou motivação? Antes de confiar completamente no que leu, é importante conhecer se quem está te oferecendo aquela informação é, de fato, uma fonte segura.

3 – Busque outras informações

Essa estratégia funciona como uma espécie de comparação. Olhe outros sites que já conhece, busque outras fontes seguras que deram a mesma informação. Melhor ainda é quando diferentes sites estão em consenso sobre algo. Tente encontrar uma cobertura mais confiável, aprofundada e equilibrada.

4 – Busque o contexto original

A internet muitas vezes parece um “telefone sem fio” pois a informação nasce de uma maneira e morre de outra completamente diferente. Notícias pela metade podem mudar o contexto de uma informação, tenha certeza que você está lendo algo completo, que relate todo o contexto sobre aquele assunto em questão.

Pronto! Agora você já sabe quais as principais dicas do Google para ter certeza que está consumindo informações de qualidade em fontes seguras e, para saber mais dicas, você pode acessar o portal Google Contra Desinformação.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!