A Microsoft anunciou o novo nome do Xbox Live, serviço de conectividade básico que acompanha os consoles da marca desde o primeiro modelo, para Xbox network (sim, em minúsculo). A informação foi dada pelo site The Verge e foi confirmada pela empresa de tecnologia.

Xbox Live agora é Xbox Network. Imagem: Microsoft/Reprodução
Xbox Live agora é Xbox Network. Imagem: Microsoft/Reprodução

Vários jogadores de Xbox Series X|S e Xbox One começaram a publicar nas redes sociais que já conseguem verificar as alterações do nome em locais específicos desde segunda-feira (22). Usuários beta, que participam do programa de testes da marca, já começaram a ver o novo título em painéis do serviço, por exemplo.

publicidade

Ao The Verge, um porta-voz da Microsoft confirmou que o objetivo da reestruturação é tornar mais clara a diferença entre os serviços do Xbox network (modo online mais básico e gratuito, ao qual todo dono de console Xbox tem acesso) ao Xbox Live Gold (serviço premium contratado por meio de assinatura que dá acesso a privilégios como jogar online e baixar títulos de forma gratuita).

A mudança estratégica da Microsoft, que não afeta em praticamente nada na vida do usuário final, já era aguardada desde agosto de 2020, quando a companhia utilizou o nome Xbox network pela primeira vez em seus termos de uso.

“A atualização para ‘serviços online do Xbox’ nos Termos de Serviços da Microsoft se refere a todos os serviços do Xbox que incluem recursos como cross-saves e pedidos de amizade. A mudança de linguagem busca distinguir este serviço da assinatura da Live Gold, [mas] não há mudanças sendo feitas na experiência do serviço”, afirmou a companhia, que lembrou que o Xbox Live Gold continua sendo necessário para jogar online.

Lançado em 2002, o Xbox Live permitiu aos jogadores que pudessem jogar online, pagando uma certa quantia mensalmente. O serviço estreou no primeiro Xbox e continou ativo, porém sofrendo alterações, em todos os consoles seguintes. Essa é a primeira vez que o recurso muda de nome em quase 20 anos de existência.

Leia mais:

E ao que tudo indica, o próximo passo estratégico da Microsoft será remover a necessidade de criar uma conta no Xbox network para jogar games free-to-play, como Fortnite. No entanto, a empresa ainda não detalhou como ou quando esse processo será feito.

Fonte: The Verge

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!