Nesta terça-feira (23), Felipe Neto virou motivo de piada no Twitter. O youtuber anunciou que havia comprado uma licença do WinRAR (Windows Roshal ARchive) e publicou a nota de sua nova aquisição que saiu por pouco mais de R$ 126. Mas você deve estar se perguntando: qual o motivo do software ter entrado nos Trending Topics da rede social?

A questão é que muitos usuários passaram a apontar que a compra do influenciador não fazia sentido, já que o serviço continuava a funcionar gratuitamente mesmo após o aviso “Seu período de teste encerrou”. Felipe Neto concordou com os usuários, mas revelou que a questão se tratava de um desejo de criança. “Quando criança, eu falava que um dia seria tão rico que compraria o WinRAR só para tirar o aviso”, disse.

publicidade

Além de diversos internautas fazendo piada com a compra “sem necessidade”, muitos outros imaginaram que o empresário na verdade teria comprado a plataforma em si, o que não foi o caso, mesmo ele tendo deixado claro em seus tweets que já está tão rico quanto imaginou na infância.

Mas afinal, o que é o WinRAR?

A ferramenta foi lançada em 1995 pelo russo Eugene Roshal e era chamado de um aplicativo utilitário, ganhando popularidade em todo mundo por facilitar a maneira como os arquivos eram compactados ou descompactados. Com suporte para os principais formatos de compressão, como RAR, ZIP e ISO, o programa também oferece a disponibilidade de recuperar arquivos danificados.

Veja mais!

O WinRAR fez muito sucesso, já que compactar arquivos é essencial para diminuir seu tamanho, além de tornar a junção de documentos para compartilhamento com outros usuários uma coisa mais simples e rápida. E o descompactamento de arquivos faz o efeito reverso, ou seja, permite extrair documentos de uma pasta compactada.

Atualmente o aplicativo não é um dos mais usados e pode-se dizer que muitas pessoas nem sabem do que se trata, outro possível motivo para que a postagem inusitada de Felipe Neto levasse o programa com licença “gratuita” de 40 dias chegasse nos assuntos mais comentados do Twitter mais de 20 anos depois de sua criação.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!