Depois de oito dias de ter anunciado o reinício de seu processo de verificação, o Twitter disse nesta sexta-feira (28) que a plataforma foi inundada com solicitações e irá pausar temporariamente as novas solicitações de usuários até que tudo seja resolvido.

O Twitter não permitia que membros se inscrevessem para verificação em toda a rede social desde o início da administração Trump. Já em dezembro, a empresa adicionou novas regras para quem pode ser verificado e também como esse processo ocorre.  

publicidade

Com isso, jornalistas, marcas, funcionários do governo, ativistas e outras personalidades públicas da internet deveriam ser encaminhados rapidamente para aprovação, para evitar desinformação. Até o momento, não há um posicionamento do Twitter sobre quando o processo poderá ser reaberto para novos usuários.

Leia mais:

Preço do Twitter pago no Brasil vaza; confira o valor

Expandindo as formas de monetização da plataforma, o Twitter deve ganhar em breve uma versão paga, que dará alguns recursos extras para os assinantes. Apesar de ainda não ter sido anunciado, o serviço Twitter Blue teve seu preço vazado no Brasil na última quinta-feira (27).

Na App Store, os valos ficaram disponíveis durante um tempo e foi possível conferir o custo da assinatura. Para ter acesso ao Twitter Blue, o usuário deverá desembolsar US$ 2,99 por mês; aqui no Brasil, o custo será de R$ 15,90 mensais.

Quem assinar a versão paga do Twitter deverá ter algumas vantagens em relação aos outros usuários da plataforma, como mudar a cor da rede social para amarelo, laranja, verde, vermelho e roxo, além de possibilitar trocar o ícone do aplicativo. Futuramente, novas funções devem ser adicionadas ao sistema de assinaturas.

Para saber mais, acesse a reportagem no Olhar Digital.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!