O Sistema Único de Saúde (SUS) engloba diversos benefícios para a saúde pública brasileira e agora passará a fazer exames que podem identificar fungos que atuam de uma forma prejudicial sobre o sistema nervoso. Além disso, os procedimentos possibilitarão o diagnóstico de meningite criptocócica.

O teste incorporado ao SUS é feito de forma rápida, com resultado em cerca de 10 minutos. Segundo informações do Ministério da Saúde, o exame é de baixo custo e também não existe estrutura específica, o que facilita a sua realização.

publicidade

Os exames são para as pessoas que têm o vírus da imunodeficiência humana (PVHIV) sem sintomas. Chamado de Cryptococcus, o vírus atua sobre o sistema nervoso central e vias respiratórias, sendo que pode causar uma inflamação no cérebro.

A Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema de Saúde (Conitec) proporcionaram a aprovação da inclusão dos procedimentos ao SUS. É o órgão que é assessor do Ministério da Saúde na avaliação de tratamentos e procedimentos a serem disponibilizados no SUS.

Leia mais:

Fonte: Agência Brasil

Aplicativo permite paciente agendar e acompanhar serviços do SUS

Além disso, desde 2019 é será possível agendar e acompanhar consultas realizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) via aplicativo de celular.  

De acordo com comunicado enviado à imprensa, o “Hora Marcada” permite visualizar datas e horários de agendamentos de consultas e exames, além de possibilitar cancelamentos e reagendamentos. É possível solicitar agenda de clínico geral, ginecologista, pediatra e odontologista da UBS de referência. Para agendamento de especialidades e exames, é necessário o encaminhamento médico da UBS (Unidade Básica de Saúde). 

Para saber mais, acesse a reportagem completa no Olhar Digital.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!