Medicina e Saúde

Mulher com sintomas de conjuntivite vai ao médico e descobre tumor cerebral

03/12/21 11h06
Derrame/AVC

shutterstock

Uma mulher da Inglaterra foi ao médico acreditando estar com conjuntivite após apresentar vermelhidão e inchaço nos olhos, contudo, ao pedir exames mais detalhados, um tumor cerebral foi descoberto, sendo ele a causa dos sintomas.

“Quando me disseram que tinha um tumor no cérebro, pensei que isso significava que eu iria morrer”, contou a inglesa em suas redes sociais. “Quando você entra no consultório médico com suspeita de conjuntivite e sai com um tumor no cérebro, não pode ser culpado por pensar o pior.”

De acordo com informações do Catraca Livre, o tumor, chamado de meningioma se forma no tecido que cobre o cérebro e estava crescendo em uma região próxima aos músculos da face, pressionando-os. Uma cirurgia para remoção foi necessária, a qual durou 16 horas. Entretanto, devido a proximidade com o rosto, não foi possível extrair todo o tumor, por sorte, segundo exames de biopsia, a massa não era maligna – cancerígena – não trazendo, em tese, riscos futuros a paciente.

Mulher descobre tumor cerebral após ir ao médico com sintomas de conjuntivite. Imagem: Shutterstock

Kirsty Drury, que usou seu perfil nas redes sociais para contar sua história, também fazer um alerta aos usuários sobre a importância de reconhecer sintomas e procurar ajuda médica o quanto antes.

“Quero que outras pessoas saibam que muitas pessoas vivem com um tumor cerebral. Por alguma razão, essas histórias não são contadas, mas acho que deveriam ser, porque no início da minha jornada eu teria dado qualquer coisa para ter mais esperança”, acrescentou.

A descoberta da doença aconteceu em novembro de 2019.

Leia mais!

Meningioma: comum, mas uma incógnita

O Meningioma geralmente é benigno e é um dos tumores mais comuns do sistema nervoso central. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), no entanto, as causas ainda são alvo de muitos estudos.

A doença é multifatorial, sendo causada pelo somatório de várias alterações genéticas, as vezes adquiridas durante a vida ou também pelo fator hereditário.

A maioria dos pacientes com o tipo de tumor são assintomáticos, contudo, quando ele começa a dar pistas, geralmente também demonstra sua localização. Quando acomete a região frontal da cabeça, a pessoa pode apresentar perda de visão e de olfato, por exemplo. Se for na parte de trás, pode resultar em perda ou alteração da coordenação e, quando se encontra na base do crânio, dificuldades para falar ou engolir podem surgir.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

Deixe sua opinião
Sugeridos pra você
Tags