Mais da metade dos casos de Covid-19 no Brasil já são causados pela variante Ômicron, identificou um levantamento feito pela plataforma “Our World in Data”. Segundo os dados, pelo menos 58,33% das novas infecções são resultado da nova cepa.

Os dados consideram todos os casos sequenciados até o último dia 27 de dezembro. A plataforma revela um rápido crescimento da cepa no Brasil. Até o dia 13 de dezembro, menos de 3% dos casos no país eram causados pela Ômicron, que foi descoberta no fim de novembro, na África do Sul.

publicidade

Além do Brasil, a Ômicron já é dominante em outros países, como os Estados Unidos, cujo a cepa já é responsável por 80% dos casos rastreados e no Reino Unido, com 95%. Esses dados revelam o grande potencial de transmissão da cepa.

OMS sobre variante Ômicron

Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (6), o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou que a variante Ômicron da Covid-19 não deve ser classificada como “leve”, mesmo sendo menos grave, aparentemente, que a cepa Delta.  

Leia também!

Adhanom ainda aproveitou o momento para ressaltar a importância da vacinação contra a Covid-19 e pedir pela equidade na distribuição do imunizante em todo o mundo. O diretor da OMS disse que 109 países não cumprirão a meta mundial de alcançar 70% da população completamente vacinada até julho deste ano.  

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!