Battlefield 2042, o mais recente da série de videogame Battlefield (2002), foi lançado no ano passado, mas apesar do sucesso aparente, os números a respeito do jogo não estão agradando a Electronic Arts (EA), responsável pela publicação do game. De acordo com Tom Henderson, conhecido vazador de informações sobre a série, a desenvolvedora está “muito decepcionada com o desempenho de Battlefield 2042” e pode começar a considerar outras opções para alavancar o projeto, como tornar o game Free-to-Play (gratuito).

Segundo o Games Radar, a recepção dos fãs de Battlefield 2042 tem sido muito ruim. No Steam, apenas 32% das análises do jogo são positivas, com preocupações levantadas sobre desempenho e vários bugs apontados – o que pode ter colaborado para a queda no número de jogadores. De acordo com o SteamCharts, fãs de Battlefield estão preferindo versões antigas da série, como o Battlefield 5, de 2018, ao último lançamento do game.

Colocar Battlefield 2042 em Free-to-Play seria um ajuste significativo. Contudo, provavelmente a discussão a respeito vai longe e pode demorar alguns anos para que realmente saia do papel, seja com essa solução ou outra – principalmente porque os ciclos tradicionais de desenvolvimento de Battlefield duram cerca de dois ou três anos, o que leva a crer que uma mudança na fórmula provavelmente ainda demore.

Leia mais!

Recentemente, Battlefield 2042 anunciou uma novidade para os fãs do jogo: a comunidade adicionou o modo Zombie Survival ao game – o que pode ser uma estratégia para despertar o interesse dos gamers de plantão.

O tema foi criado por um usuário, StoneMountain64, e confere aos jogadores uma nova experiência onde equipes com quatro soldados lutam para sobreviver contra uma invasão de zumbis. O modo está disponível somente até 27 de janeiro. Confira aqui mais informações.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!