Com o sucesso inicial do “Batman” de Matt Reeves, uma dúvida volta à tona: por que Christopher Nolan não fez um quarto filme da trilogia “Cavaleiro das Trevas”?

A resposta tem grande relação com os planos de Nolan. O diretor criou uma das trilogias mais famosas do cinema e marcou o ponto alto (pelo menos até aqui) do Batman nos cinemas e parar no terceiro filme foi mais uma opção do que qualquer outra coisa.

publicidade

A trilogia de Nolan foi composta de “Batman Begins”, filme de origem do herói que estreou em 2005; “Batman: O Cavaleiro das Trevas”, o filme mais aclamado entre os três que incluiu o Coringa de Heath Ledger e Harvey Dent em sua jornada até se tornar o Duas-Caras; e “Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge”, que fechou a trilogia como mais um sucesso de público e crítica.

Como tudo o que termina em alta, a dúvida sempre fica: por que parar? Por que não dar mais um capítulo à história e prolongar o sucesso?

Em uma entrevista de 2019 ao Toronto Sun, Christian Bale deu uma resposta a estas perguntas, explicando que a mentalidade de Nolan era sempre de pensar “um filme de cada vez”.

“Eu acho que a razão pela qual funcionou foi, em primeiro lugar, a opinião de Chris sobre isso,” contou Bale. “Mas nós também nunca fomos arrogantes em assumir que nós tínhamos uma oportunidade além de um filme de cada vez. Isso é algo que o Chris [Nolan] sempre falaria. Ele diria, ‘É isso. Nós estamos fazendo um filme. Isso é tudo o que temos’.”

“Chris [Nolan] sempre disse para mim que se nós fôssemos sortudos de ser capazes de fazer três nós pararíamos. ‘Vamos embora depois disso’, ele dizia,” explicou Christian Bale. No entanto, com todo o sucesso da trilogia, Bale e Nolan foram perguntados sobre a possibilidade de continuar a história.

“Quando eles inevitavelmente vieram até nós e disseram, ‘Que tal um número 4?’ eu disse, ‘Não. Temos que nos ater ao sonho de Chris, que sempre foi, esperançosamente, fazer uma trilogia. Não vamos nos alongar demais e nos tornar excessivamente indulgentes e ir para um quarto’,” disse Bale.

Leia mais!

Com a quantidade de produções que demoram demais para parar e acabam chegando perto de estragar um legado histórico, talvez parar no terceiro filme tenha sido uma boa decisão de Christopher Nolan.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.