Quatro anos de resultados dos testes em celulares da Samsung dentro do Geekbench serão removidos da ferramenta de testes. Os culpados pela sanção, segundo a empresa responsável pelo app, foram os aparelhos da linha Galaxy S22, apontados como trapaceiros na hora de conseguir boa pontuação.

Os Galaxy S22 foram lançados recentemente no mundo e eles realmente apresentam ótimos resultados para desempenho, eu mesmo notei isso no review do Galaxy S22+ divulgado aqui no Olhar Digital no mês passado. Acontece que estes aparelhos foram encontrados reduzindo a performance em alguns momentos, para aumentar em games e aplicativos de benchmark.

publicidade

Leia também

Galaxy S22+ (Imagem: André Fogaça/Olhar Digital)
Galaxy S22+ (Imagem: André Fogaça/Olhar Digital)

Apps de benchmark pouco ou nada importam para o consumidor final, mas são ferramentas importantes para conseguir avaliar o desempenho bruto de qualquer celular. Dar fôlego extra neste momento pode passar a sensação de performance superior, que não se reflete em outro momento do dia.

publicidade

Samsung já prometeu resolver o problema nos Galaxy

O Geekbench é um dos apps mais populares neste quesito e ele resolveu aplicar algum tipo de punição para os aparelhos da Samsung. De acordo com a empresa responsável pela ferramenta de benchmark, todos os smartphones da linha Galaxy S22 serão removidos da lista pública de resultados, junto dos Galaxy S21, S20 e S10. Já os aparelhos Galaxy A e Note continuam presentes na base de dados.

Dentro da One UI 4, uma ferramenta interna chamada Game Optimizing Service é a apontada como responsável pelo desempenho superior em jogos e também nos benchmarks. O objetivo dela é reduzir a performance em momentos onde toda a força bruta não é necessária, com objetivo de aumentar a autonomia da bateria e evitar o superaquecimento do celular.

publicidade

Sobre a polêmica com o desempenho diferente para apps específicos, a Samsung enviou a seguinte nota para a imprensa:

“Nossa prioridade é oferecer a melhor experiência mobile para nossos consumidores. O Game Optimizing Service (GOS) foi criado para ajudar os jogos a obter um ótimo desempenho enquanto gerencia a temperatura do aparelho de forma eficaz. O GOS não gerencia o desempenho de aplicativos que não são jogos. Valorizamos o feedback que recebemos sobre nossos produtos e após uma análise cuidadosa, planejamos lançar uma atualização de software em breve para que os usuários possam controlar a performance enquanto jogam”.

publicidade

Via: Android Police.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!