O mundo não é dividido apenas por países ricos, em desenvolvimento e pobres. Há inúmeras diferenças, como no caso das tensões elétricas. Grande parte do continente americano utiliza a tensão 110V, enquanto Europa, Ásia e África ficam com 220V. No Brasil, como não poderia ser diferente, a situação é mais complicada em razão das variações entre os estados e municípios, ou seja, há lugares que são 110V e outros 220V. Portanto, não é incomum as pessoas perderem equipamentos ao não se informarem sobre isso, principalmente em viagens, seja a trabalho ou turismo

Apesar de muitos aparelhos serem bivolts, sempre é importante saber as principais diferenças entre as tensões. Afinal, nem todos possuem essa tecnologia. 

publicidade

Descubra as principais diferenças entre 110V e 220V 

A principal diferença entre as duas voltagens mais comuns no mundo é a corrente de energia. Em 220V, uma corrente menor é necessária, podendo ter fios mais finos. Já a 110V, agora 127V, utiliza um fluxo maior de corrente.

No fim, o consumo é medido em kilowatts hora. Então, a média não muda muito em relação ao custo para o consumidor.

Notebooks Avell Hyb (Imagem: André Fogaça/Olhar Digital)
Inúmeros equipamentos de informática, como os notebooks, utilizam a tecnologia Autovolt, que reconhece a voltagem, sem problemas aos usuários. Imagem: André Fogaça/Olhar Digital

Entenda o motivo dos aparelhos queimarem 

Tendo como base a corrente existente em cada voltagem, a premissa é matemática: aparelhos 127V ligados em uma tomada 220V queimam. Do contrário, não! 

Isso porque ele vai fluir com uma corrente maior do que pode suportar. No caso dos 220V ligados em tomadas 127V, a única situação incomum é que estarão funcionando com potência reduzida. Portanto, confira sempre a voltagem do seu equipamento antes de ligá-lo na tomada, seja onde for! 

Leia mais:

Bivolt X Autovolt  

Aparelhos com a tecnologia bivolt funcionam tanto em 127V quanto 220V, mas fique atento: geralmente há um pino para você ajustar a voltagem, de acordo com a tomada. Isso acontece, por exemplo, em secadores de cabelo.

Já o Autovolt é a tecnologia utilizada nos carregadores de smartphones e celulares, notebooks e em vários equipamentos de informática. O sistema funciona entre 127V e 220V e se adapta automaticamente, reconhecendo a tensão elétrica. 

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!