“Call of Duty: Warzone” recebeu uma nova atualização, nesta última quarta-feira (3), que procura consertar alguns problemas de bugs e corrigir o dano de algumas armas do jogo.

Antes dessa atualização, um update já tinha sido incluído, no último dia 27, que balanceou outras armas. O novo patch trouxe melhorias para o recém-lançado fuzil de assalto Vargo-S, com um bônus para o seu cano Mirzoyan 414 mm. A modificação aumentou a velocidade do cano em 35% e busca viabilizar o longo alcance do fuzil.

publicidade
Imagem: Reprodução/Activision Blizzard
Imagem: Reprodução/Activision Blizzard

Enquanto isso, considerado por muitos a melhor arma de “CoD: Warzone”, o fuzil NZ-41 teve o seu dano diminuído de 1,5 para 1,3 em tiros certeiros na cabeça (headshot). Outros rifles de assalto do game que também receberam uma diminuição de dano foram o Kilo 141 e o KG M40 – esse último, porém, teve um aumento de dano nos tiros certeiros no pescoço.

Além das mudanças nas armas, a atualização reparou alguns transtornos no battle royale, incluindo alterações de iluminação no mapa Caldera. O patch também consertou os problemas envolvendo a máscara de gás e o atraso da animação ao colocá-la.

Leia mais:

“CoD: Warzone” deve receber um novo evento no próximo dia 11, incluindo um novo modo de jogo. Na última segunda-feira (01°), em seu relatório financeiro, a Activision Blizzard confirmou que a sequência “Warzone 2” está com o lançamento planejado ainda em 2022.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!