Uma das perguntas que mais nos fazemos quando pegamos Covid-19 e enfrentamos um isolamento é: quando posso sair com a certeza de que não estou mais transmitindo o vírus?  

De acordo com informações do The Washington Post, especialistas em doenças infecciosas acreditam que a liberação do paciente com Covid-19 do isolamento só deve ser feita após um teste de antígeno negativo para o vírus. Segundo as diretrizes dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), essa pode ser uma opção, apesar de não recomendar explicitamente. 

publicidade
Pessoa fazendo utilização do autoteste de Covid-19
Covid-19: como saber se ainda estou transmitindo o vírus? Imagem: Clara Murcia/Shutterstock

Há um consenso que cada caso de Covid é único, por isso tantas discussões sobre os protocolos. Não existe uma regra rígida sobre o quão doente uma pessoa ficará ou quanto tempo uma pessoa permanece infecciosa. As diretrizes oferecem uma estrutura geral, mas os pacientes devem levar em consideração suas diferentes circunstâncias, prioridades e recursos para avaliar o risco.  

Por quanto tempo devo ficar em isolamento após contrair Covid-19? 

O coronavírus tem a característica complicada de ser transmissível antes mesmo de a pessoa infectada apresentar sintomas, ou seja, ela nem sabe que está transmitindo. Em geral, o período de pico de disseminação do vírus começa cerca de um ou dois dias antes do aparecimento dos sintomas e continua dois ou três dias depois. 

Por ser uma doença relativamente nova, diversas teorias e orientações surgiram a respeito do tempo de isolamento. No início da pandemia muitos consideravam, de forma individual e preventiva, se isolar por várias semanas. Com o passar do tempo, alguns médicos começaram a orientar ao menos 15 dias de quarentena. Atualmente, especialistas falam em, pelo menos, sete ou oito dias de afastamento social. 

Leia mais! 

Pesquisas já demonstraram que pessoas podem continuar transmitindo o vírus da Covid por até oito dias. Embasados nisso e em outros artigos, cientistas afirmam que é muito improvável que o vírus passe adiante após 10 dias, mesmo que uma pessoa ainda esteja testando positivo. 

Para o CDC, os pacientes devem se isolar por pelo menos cinco dias. No 6° dia você pode encerrar o isolamento desde que seus sintomas tenham melhorado e você esteja sem febre por 24 horas. Para a entidade, o dia 1 do isolamento é o Dia após os primeiros sintomas – detalhe que pode causar confusão (muitos contam o isolamento considerando os dias dos sintomas, o CDC começa a conta após essa fase). 

Só posso sair do isolamento após ter um teste negativo? 

Não exatamente. Se você decidir fazer um teste rápido em casa vários dias após a infecção, a melhor abordagem é usá-lo no final do período de cinco dias, diz o CDC. No caso de um resultado positivo, complete os 10 dias de isolamento para repetir o teste. 

Imagem mostra a mão de um médico impedindo a passagem de uma pessoa, com faixas de passagem proibida atrás dele
Covid-19: como saber se ainda estou transmitindo o vírus? Imagem: Natasa Adzic/Shutterstock

Contudo, o CDC não recomenda explicitamente que você tenha um teste negativo para encerrar o isolamento, mas a ação é tida como responsável, principalmente considerando as infecções rebote – o presidente dos EUA, Joe Biden, por exemplo, precisou testar duas vezes negativo para sair permanentemente do isolamento, já que testou positivo um dia após encerrar sua primeira quarentena – voltando assim para o repouso. 

“Dado que uma parcela substancial das pessoas tem um teste rápido positivo após cinco dias, acho que uma recomendação atualizada deve incluir pessoas com teste rápido negativo antes de sair do isolamento para covid”, orientou Tom Inglesby, diretor do Johns Hopkins Center for Segurança da Saúde, em um e-mail ao Washington Post. Ele foi o conselheiro sênior do governo Biden em testes de dezembro a abril. 

“Um teste de antígeno negativo é bastante tranquilizador de que você não é mais capaz de transmitir a infecção a outras pessoas”, acrescentou Amy Barczak, especialista em doenças infecciosas do Hospital Geral de Massachusetts, que pesquisou por quanto tempo os pacientes com Covid podem transmitir o vírus. 

Teste Covid-19
Covid-19: como saber se ainda estou transmitindo o vírus? Imagem: CrispyPork/Shutterstock

Meu teste deu negativo, ainda sim preciso fazer de novo? 

Barczak diz que, para pessoas saudáveis, se você testar negativo em um teste rápido de antígeno no dia 5 ou após, “é improvável que você seja contagioso para outras pessoas”. 

Já para pessoas com preocupações especiais sobre a transmissão do vírus, um segundo teste é recomendado (em pessoas sintomáticas, por exemplo). 

“Dois testes seguidos são apenas melhor forma, melhor proteção, do que um teste negativo”, explica Michael Mina, epidemiologista e imunologista de doenças infecciosas da Universidade de Harvard e especialista em testes rápidos. 

Em todo caso, a recomendação geral sobre tudo que falamos é: não há um número exato sobre quantos dias uma pessoa pode continuar transmitindo o vírus, no entanto, um isolamento de ao menos 10 dias é recomendado (um teste de antígeno no 5° dia já pode ser realizado). 

Testes rápidos antes de finalizar a quarentena são importantes porque garantem segurança, assim, devem ser feitos – a quantidade de teste depende da forma da doença do paciente (sintomática ou assintomática). 

Vale ressaltar que, independentemente do fim do isolamento e teste negativo, pessoas no geral devem continuar usando máscaras (conforme obrigatoriedade de cada país) e realizando os protocolos de prevenção e combate à Covid-19. 

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!