A Receita Federal liberou nesta quarta-feira (24), às 10h, a consulta ao quarto dos cinco lotes de restituição de 2022 para o contribuinte, que fez sua Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física até o final de maio. O lote disponível para consulta também abrange restituições de outros anos.

Neste próximo dia 31 de agosto, a Receita Federal vai distribuir R$ 6 bilhões e depositará para 4.462.564 contribuintes. Dessa quantia, R$ 265.909.045,61 serão destinados aos contribuintes que tenham prioridade legal, sendo 7.855 idosos com mais de 80 anos e 60.575 entre 60 e 79 anos. Além disso, 5.514 contribuintes que têm alguma doença física, mental ou grave e 25.854 contribuintes com a maior fonte de renda sendo vindo direto do magistério.

Leia mais:

O último valor do lote será direcionado a 4.362.766 pessoas que não são donas de imóveis e que entregaram suas declarações antes do dia 30 de maio de 2022.

publicidade

A consulta dos contribuintes é feita através da página oficial da Receita Federal, clique aqui para acessá-la e siga os passos:

  • Clique no campo Meu Imposto de Renda
  • Vá para Consultar Restituição

A consulta também pode ser feita pelo aplicativo Meu Imposto de Renda, que é disponibilizado tanto para Android, quanto para sistema iOS.

Com a consulta, o contribuinte pode checar se está devendo alguma pendência que esteja o impossibilitando de receber o pagamento da restituição, e se houver de fato alguma pendência, é necessário enviar uma declaração retificadora e aguardar os próximos lotes.

imposto de renda receita federal
Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Calendário do Imposto de Renda

No começo, a data de entrega final da declaração estava prevista para o dia 29 de abril deste ano, porém este prazo foi adiado para 31 de maio. Mesmo com o adiamento, o calendário original sobre a restituição se manteve, com os cinco lotes que seriam pagos no último dia útil dos meses entre maio e setembro de 2022.

Se houver algum problema e o valor não for depositado, ficarão disponíveis para ser resgatado até o período de um ano pelo Banco do Brasil, e neste caso, o contribuinte pode reagendar o crédito dos valores pelo Portal BB ou ligando para a Central de Relacionamento BB pelo telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (outros locais) e 0800-729-0088, em caso de deficientes auditivos.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!