O comandante que integrou o primeiro lançamento de foguete com tripulação privada de turistas da SpaceX, para a Estação Internacional (ISS), na missão Axiom 1, compartilhou com seus seguidores no Twitter qual foi a melhor e a pior parte da viagem.

O astronauta aposentado Michael López-Alegría, além de ter comandado a missão, é um recordista americano, já que detém o maior número de caminhadas espaciais de todos os tempos. Em um tweet, após quatros meses da viagem, López-Alegría contou que a melhor parte foi quando os tripulantes viram a Terra pela primeira vez.

Leia mais:

Já a pior parte foi o banheiro. Ele postou que não há “nenhuma surpresa; é sempre o banheiro”. Cabe destacar que a SpaceX teve diversas dificuldades com o projeto do banheiro do Crew Dragon. Na missão Inspiration 4, que ocorreu no ano passado, os membros da tripulação tiveram que lidar com problemas sérios e desagradáveis no banheiro.

publicidade

As instalações do foguete Crew Dragon não são muito diferentes daquela encontrada na Estação Espacial Internacional. Os astronautas têm que fazer suas necessidades em um funil ligado a um ventilador que suga os resíduos para um contêiner.

Segundo alguns funcionários envolvidos na época da missão Inspiration 4, um tubo responsável por levar a urina ao contêiner quebrou e pulverizou o líquido pelos painéis do chão da espaçonave. Após o incidente, a SpaceX disse que redesenhou o mecanismo, para que os tripulantes -inclusive da Axiom 1- pudessem ter mais tranquilidade.

Entretanto, tornar a experiência de usar o banheiro em microgravidade mais agradável continua um desafio.

Via: The Byte

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!