Segundo a Bloomberg News, nesta segunda-feira (12), o Departamento de Justiça dos Estados Unidos intimou alguns vendedores para trocar informações sobre empresas como a Amazon, Microsoft e JPMorgan Chase & Co. Essa intimação faz parte de uma investigação de vendas e transações das gigantes, informou a News.

Leia mais:

De acordo com o documento, o DOJ encaminhou nos últimos meses diversas intimações sobre transações em várias ações de primeira linha. 

Em 2021, o mesmo departamento enviou notificações para dezenas de empresas, incluindo Citron Research e Muddy Waters Research LLC. Ao mesmo, investigava negociações potencialmente manipuladas em torno de relatórios negativos sobre empresas listadas publicadas por alguns de seus investidores.

publicidade

O regulador de títulos mobiliários dos EUA também tem considerado algumas medidas que exigem que os grandes investidores divulguem mais sobre as posições vendidas, além do uso de derivados para especular sobre movimentos das ações.

Departamento de Justiça analisa negociações de diversas empresas
Imagem: Tada Images/Shutterstock

Departamento de Justiça dos EUA pode abrir processo antitruste contra a Apple

Apple pode estar prestes a ser envolvida em uma possível acusação antitruste. Segundo informações do site Politico, que conversou com uma fonte familiarizada com o assunto, o Departamento de Justiça (DOJ) dos Estados Unidos está no estágio inicial na elaboração do documento.

De acordo com o veículo norte-americano, vários grupos de promotores do DOJ estão elaborando o processo, a fonte anônima disse que a acusação deve ser disponibilizada até o final do ano.

Caso o processo seja de fato divulgado, essa será a primeira vez que a Apple estará envolvida em um processo antitruste. As acusações devem focar na restrição de aplicativos da App Store como a única maneira dos usuários de aparelhos do sistema IOS baixarem aplicativos.

Leia mais em Olhar Digital

Via: Reuters

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!