O Instagram está completando 12 anos de existência nesta quinta-feira (6). O aplicativo passou por muitas mudanças nestes últimos anos, algumas que os usuários nem devem lembrar. Por isso, nós do Olhar Digital decidimos reunir alguns fatos importante sobre a história da rede social.  

Obviamente é muito difícil listar todas as mudanças que o aplicativo sofreu nestes 12 anos, mas separamos algumas curiosidades sobre o Instagram. Confira!

Leia também!

O Instagram foi fundado por Kevin Systrom e Mike Krieger, mas muita gente não sabe que o segundo cofundador da rede social é brasileiro. Nascido em São Paulo, Krieger se mudou para os Estados Unidos em 2004 e fundou a plataforma quando tinha 24 anos.   

publicidade

No início, a criação de Systrom e Krieger foi batizada como Burbn, e tinha como foco que os usuários marcassem sua localização e compartilhassem fotos desses lugares. 

Atualmente, o maior foco do Instagram são os vídeos e isso não é uma novidade para ninguém. A rede social acabou se adaptando as novas tendências impostas por seus concorrentes, como o TikTok.  

Porém, no início de sua história, os usuários só podiam publicar fotos e check-ins, que nada mais é que uma foto de uma localização. Os vídeos só chegaram na rede social depois de três anos de sua fundação e lançamento.  

E apenas em 2016 a plataforma decidiu lançar os Stories, que hoje é um de seus maiores sucessos. O recurso foi baseado no Snapchat, que acabou se tornando uma “febre” em todo o mundo.  

Logos do Instagram
Imagem: rvlsoft/Shutterstock

Outro ponto muito importante do início do Instagram é que a plataforma era exclusiva dos celulares com sistema iOS. Pessoas com aparelhos Android só passaram a ter acesso a rede social em abril de 2012.  

Também foi em 2012 que o Instagram passou a fazer parte do Facebook (atual Meta). A empresa de Mark Zuckerberg pagou cerca de US$ 1 bilhão pela rede social que na época tinha cerca de 30 milhões de downloads. 

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!