A Guerra da Rússia x Ucrânia ganhou enormes proporções no final de fevereiro de 2022. O conflito que havia se iniciado alguns meses antes, em 2021, se intensificou, após a aproximação da Ucrânia com a União Europeia e a Otan, e logo após, a consequente invasão russa ao território ucraniano. O conflito ainda não acabou e recentemente o Ministério de Defesa da Rússia publicou um vídeo onde mostra o morteiro 2S4 Tyulpan.

O 2S4 Tyulpan é um morteiro autopropulsado considerado o modelo mais pesado do mundo. Ele tem sido usado a alguns meses na guerra e em maio já havia sido fotografado atacando ucranianos em Mariupol. O ataque aconteceu em uma antiga siderurgia, onde civis e militares se refugiaram.

Leia mais:

Sobre o Tyulpan 2S4

O veículo de artilharia Tyulpan já participou de outros conflitos no Afeganistão e na Chechênia. Projetado nos anos 70 por Georgy Sergeevich Efimov e Yuri Nikolaevich Kalachnikov, ele se destaca pelo tamanho e por ser extremamente poderoso.

publicidade

O morteiro pesa cerca de 27 toneladas que estão distribuídas em 6,5 metros de comprimento. Ele dispara bombas de até 130 quilos e que alcançam 9,5 quilômetros de distância. Além disso, ele conta com uma arma de calibre 240 milímetros que pode destruir edifícios fortificados e blindados a cerca de 20 quilômetros de distância.

O casco que é uma verdadeira armadura, comporta até 4 pessoas em seu interior, mas outras cinco podem ir no veículo de apoio.

As munições mais catastróficas que podem ser lançadas pelo morteiro Tyulpan 2S4 são uma bomba atômica 3B4 que atinge até 18 quilômetros de distância e outra que incendeia tudo num raio de 50 metros. 

Segundo o exército russo o modelo passou por atualização recentemente. O morteiro agora conta com um motor novo, um sistema de controle de incêndio e tiros a laser e no modo automático. Acredita-se que atualmente o exército russo conte com uma frota entre 400 e 500 morteiros.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!