A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou nesta sexta-feira, 14 de abril, que a lista de pomadas para trançar, modelar ou fixar cabelos que estão autorizadas a voltar ao mercado vem recebendo atualizações frequentes.

Leia mais:

publicidade

Por que as marcas foram proibidas?

anvisa
Imagem: Shutterstock
  • Anvisa suspendeu temporariamente a venda de todas as 3.154 marcas de pomadas capilares comercializadas no Brasil por precaução.
  • Medida foi tomada após aumento de relatos de problemas de saúde causados pelas pomadas.
  • Consumidores relataram queimaduras nos olhos ao entrar na piscina ou após tomar chuva.
  • Pomada escorria do cabelo para o rosto.
  • Outros eventos relatados incluem cegueira temporária, ardência nos olhos, lacrimejamento, coceira, vermelhidão, inchaço ocular e dor de cabeça.

Como consultar a lista de pomadas autorizadas pela Anvisa?

A Anvisa orienta aos consumidores que consultem no portal da agência a relação completa dos produtos autorizados neste link.

A listagem está sendo revisitada frequentemente, podendo ser modificada a qualquer momento, tanto para a inclusão de novos produtos quanto para a exclusão de pomadas que deixem de atender aos requisitos para exposição ao uso pela população.

publicidade

O que observar na hora da compra?

Além de consultar a lista de pomadas autorizadas, a Anvisa sugere que os consumidores observem tanto a marca como o número de CNPJ da empresa titular do produto, pois alguns cosméticos podem ter nomes parecidos ou quase idênticos.

É importante conferir também o número do processo de regularização da pomada em questão, que geralmente começa com 25351 e sempre deve estar na rotulagem do produto.

publicidade

Como tirar dúvidas?

Em caso de dúvidas, a Anvisa disponibiliza seus canais de comunicação:

  • Telefone: 0800-642-9782
  • Atendimento presencial: Serviço de Informação ao Cidadão da Anvisa, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, no Trecho 5 do SIA, Brasília (DF)
  • Fale Conosco

Investigações sanitárias em andamento

A Anvisa informou que as investigações sanitárias continuam em andamento e que está realizando análises laboratoriais dos produtos, avaliando processos de fabricação, inspecionando os fabricantes e adotando outras medidas regulatórias específicas para garantir a segurança dos consumidores.

publicidade

A listagem é dinâmica, podendo mudar ao longo das investigações. Por isso, é importante sempre consultar a relação dos produtos autorizados antes do uso ou da compra das pomadas.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!