A Kia e a Hyundai convocaram, na quinta-feira (03), o recall de mais de 91 mil carros nos EUA devido a riscos de incêndio. As montadoras coreanas aconselharam os proprietários a estacionarem seus veículos do lado de fora e longe de estruturas até que os reparos possam ser realizados.

Para quem tem pressa:

  • A Kia e a Hyundai convocaram o recall de mais de 91 mil carros nos EUA devido a riscos de incêndio;
  • O recall inclui vários modelos da Hyundai e da Kia – por exemplo: Palisade, Tucson, Sonata, Elantra, Kona, Seltos e Soul;
  • O problema está relacionado aos controladores eletrônicos para o conjunto da bomba de óleo Idle Stop & Go;
  • Além do risco de incêndio, danos causados pelo calor podem resultar em curto-circuito que poderia afetar outros controladores do veículo.

O recall inclui vários modelos da Hyundai e da Kia – por exemplo: Palisade, Tucson, Sonata, Elantra, Kona, Seltos e Soul.

publicidade

Leia mais:

Risco e recall

Linha de produção da Hyundai
(Imagem: Divulgação/Hyundai)

O problema está relacionado aos controladores eletrônicos para o conjunto da bomba de óleo Idle Stop & Go. Ele pode conter componentes elétricos danificados, que, por sua vez, podem fazer com que a bomba superaqueça.

publicidade

Os proprietários dos veículos afetados serão notificados no final de setembro e os revendedores irão inspecionar e substituir o controlador elétrico da bomba de óleo, se necessário.

A Hyundai relatou quatro incidentes relacionados a esse problema, enquanto a Kia relatou seis eventos térmicos potencialmente relacionados. Mas não foram relatados acidentes ou ferimentos.

publicidade

O recall vale para os modelos:

  • Kia Seltos (2023-2024);
  • Kia Soul (2023);
  • Kia Sportage (2023);
  • Hyundai Palisade (2023-2024);
  • Hyundai Tucson (2023);
  • Hyundai Sonata (2023);
  • Hyundai Elantra (2023);
  • Hyundai Kona (2023).

Outros problemas

Fachada de loja da Kia
(Imagem: Artem Saranin/Pexels)

Além do risco de incêndio, danos causados pelo calor podem resultar em curto-circuito que poderia afetar outros controladores do veículo. A Hyundai mencionou que uma peça suspeita já foi eliminada da produção desde março.

publicidade

A montadora aconselhou os revendedores a fornecer veículos para aluguel aos clientes que não se sentirem seguros para operar seus veículos até que a solução do recall esteja disponível.

Se os proprietários notarem um cheiro de queimado ou derretimento, eles são incentivados a rebocar o veículo até a concessionária Hyundai mais próxima e não tentar dirigi-lo.

Este recall acontece após a Hyundai receber um relatório em dezembro de danos causados pelo calor no chicote de fios/conector da bomba de óleo elétrica em um Hyundai Palisade 2023, levando a empresa a iniciar uma investigação.

Da mesma forma, a Kia recebeu um relatório em junho de derretimento em um Soul 2023. Ambas as empresas relataram esses incidentes à Administração Nacional de Segurança do Tráfego nas Rodovias dos EUA.

No geral, esses recalls destacam a importância de lidar com riscos potenciais de incêndio e garantir a segurança dos proprietários de veículos. As montadoras coreanas estão tomando medidas para corrigir o problema e proteger seus clientes.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!