A Qualcomm revelou, nesta quarta-feira (23), o Snapdragon G, sua nova geração de processadores para consoles portáteis e demais aparelhos móveis. Ao todo, três processadores chegam ao portfólio da marca: Snapdragon G1, Snapdragon G2 e Snapdragon G3.

Para quem tem pressa:

  • A Qualcomm revelou o Snapdragon G, sua nova geração de processadores para consoles portáteis e demais aparelhos móveis;
  • Ao todo, três processadores chegam ao portfólio da marca: Snapdragon G1, G2 e G3;
  • O foco do primeiro é a duração de bateria, enquanto do segundo foi pensado para streaming de jogos;
  • O Snapdragon G3x Gen 2 é o mais poderoso dos três, com suporte a ray tracing e tethering em óculos de realidade virtual;
  • No entanto, a empresa não informou quais aparelhos terão os novos processadores, nem a partir de quando eles começarão a ser incorporados nos “motores” dos dispositivos.

Funciona assim: esses algarismos (de um a três) nos nomes dos processadores sinalizam uma etapa em relação a recursos e poder de processamento. E todos foram pensados para gamers, segundo a Qualcomm.

Leia mais:

Dispositivos portáteis dedicados para jogos são a melhor maneira de experimentar jogos móveis. Mas os jogadores querem poder jogar todos os seus jogos favoritos em vários dispositivos e ecossistemas, seja no console, no PC ou em um serviço de nuvem. Os dispositivos com tecnologia Snapdragon G Series serão o melhor lugar para os jogadores jogarem seus títulos favoritos, oferecendo-lhes a capacidade de escolher entre nuvem, console, Android ou PC enquanto estão em trânsito.

Mithun Chandrasekhar, diretor sênior de gerenciamento de produtos da Qualcomm

No entanto, a empresa não informou quais aparelhos terão os novos processadores, nem a partir de quando eles começarão a ser incorporados nos “motores” dos dispositivos.

publicidade

Novos processadores da Qualcomm

Montagem com processadores Snapdragon G e dispositivos portáteis
(Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Confira abaixo um resumo das especificações técnicas dos novos processadores Snapdragon G:

  • Snapdragon G1 (Gen 1): CPU Kryo (8 núcleos) e GPU Qualcomm Adreno A11;
  • Snapdragon G2 (Gen 1): CPU Kryo (8 núcleos), GPU Adreno A21, Snapdragon X62 5G Modem-RF e Qualcomm FastConnect 6700 (que traz 5G e Wi-Fi 6/6E);
  • Snapdragon G3x (Gen 2): CPU Kryo (8 núcleos), GPU Adreno A32, Wi-Fi 7 High-Band Simultaneous (HBS), 5G sub-6 e mmWave.

Ao desenvolver esses processadores, a Qualcomm colocou um diferencial em cada. No caso do Snapdragon G1, seu foco é a duração de bateria. Já o Snapdragon G2 foi desenvolvido pensando em streaming de jogos.

Por fim, o Snapdragon G3x Gen 2, sucessor do Gen 1 (que vem no Motorola Razer Edge 5G), é o mais poderoso. Ele é compatível com ray tracing e tethering em óculos de realidade virtual.

Estas plataformas de gaming entregam constante desempenho gráfico em um dispositivo portátil, dedicado a dispositivos de games para que você possa jogar em praticamente qualquer lugar, afirmou a Qualcomm, em nota à imprensa.

A empresa também informou que fabricantes de dispositivos e empresas parceiras poderão usar os designs de referência dos novos SoCs a partir de agora.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!