Após surfar em um mercado extremamente aquecido durante a pandemia da Covid-19, a procura por veículos elétricos (EVs) está começando a cair, segundo mostrou uma pesquisa de mercado da TrendForce. Conforme os dados, divulgados pela Reuters, a redução da demanda já levou a um declínio de 10% nos preços das baterias utilizadas nos veículos, e uma queda adicional deve ocorrer ao longo do ano, afetando o preço final dos elétricos. 

Para quem tem pressa: 

  • Segundo a pesquisa, apesar do declínio nas vendas, a queda nos preços das baterias pode ajudar a indústria a acalmar a guerra de preços iniciada pela Tesla em janeiro deste ano — isso significa que os preços devem se igualar, o que pode voltar a aquecer a procura; 
  • Os preços dos materiais para baterias atingiram máximos históricos durante a pandemia, à medida que os custos de empréstimos mais baixos impulsionaram também a procura de veículos elétricos; 
  • Com uma certa “normalidade” de volta, vivemos agora o movimento contrário (assim como ocorreu no mercado de vendas online, que também explodiu durante o período de quarentena); 
  • Com uma produção superando a demanda, fabricantes terão que escolher entre reduzir os preços e as margens de lucro ou desacelerar as linhas de montagem. 

Leia mais! 

Para a TrendForce, a queda média no preço das baterias de elétricos “destaca um padrão de crescimento pouco inspirador no mercado de baterias EV”. 

publicidade

Os preços das células de fosfato de ferro-lítio (LFP) também têm caído. As baterias LFP, as mais utilizadas para armazenamento de energia, foram desenvolvidas nos Estados Unidos, mas a China agora domina a produção global. 

Com um excesso na capacidade de produção de células de armazenamento da China, uma guerra de preços parece inevitável, com um declínio gradual e contínuo dos preços esperado para o resto do ano. 

TrendForce. 

A pesquisa pontuou ainda que um movimento parecido pode ocorrer na venda de smartphones e computadores portáteis, já que eles também utilizam baterias de íons de lítio, semelhantes às utilizadas nos veículos elétricos. 

Os fornecedores de células de bateria devem se concentrar em liquidar os estoques existentes devido à fraca demanda por tais dispositivos em agosto, completou a TrendForce. 

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!