O iPhone 15 traz muitas novidades importantes para o mercado que aposta neste modelo, mas uma em especial chama atenção: pela primeira vez um smartphone da Apple tem porta USB-C. Mesmo com essa mudança mais drástica, nem todo iPhone vai responder da mesma forma para o conector inédito.

Leia mais:

O que você precisa saber:

  • Com o iPhone 15 a Apple finalmente insere uma porta USB-C em seu celular e com isso ela aumenta as possibilidades de uso do cabo
  • No novo celular é possível recarregar sua bateria ou de outro aparelho, enviar áudio e até mesmo vídeo
  • O iPhone 15, mesmo com o novo USB-C, ainda utiliza o USB 2.0 e isso significa velocidade de transferência de dados semelhante ao Lightning
  • Já no iPhone 15 Pro a Apple inseriu suporte ao protocolo USB 3.0, com possibilidade ser 20 vezes mais rápido na hora de transferir arquivos pelo cabo

A presença do USB-C no iPhone 15 permite muitos usos diferentes e inéditos para o celular da Apple, como utilizar um mesmo cabo para carregar os AirPods, iPad e até o MacBook. Por outro lado, este novo termo significa apenas o formato do conector e suas capacidades.

O cabo USB-C é apenas o conector e ele utiliza 24 pinos dentro do plugue, capaz de ser espetado em qualquer orientação. Existem uma série de funções possíveis para ele, como transmissão de energia em grandes quantidades, vídeo, áudio, internet e até a Intel criou sua solução chamada Thunderbolt com este mesmo tipo de fio.

publicidade

No caso do iPhone 15 a Apple diz que o USB-C permite carregar a bateria, transferir dados entre duas partes, escutar música e até enviar vídeo. Em exemplos a empresa da maçã comentou que um celular pode ser utilizado até para enviar carga para um Apple Watch ou os AirPods.

iPhone 15 com porta USB-C (Imagem: divulgação/Apple)
iPhone 15 com porta USB-C (Imagem: divulgação/Apple)

iPhone 15 tem protocolo USB do ano 2000

Por dentro o padrão utilizado é o USB 2.0 (lançado em abril de 2000) no iPhone 15, o mesmo do Lightning até então e isso significa que mesmo mudando o conector, o usuário não notará qualquer avanço na velocidade da transferência desses arquivos – aqui em até 480 Mbit/s.

Esse avanço é exclusivo do iPhone 15 Pro e seu irmão, o iPhone 15 Pro Max. Apenas o novo chip A17 Pro incluiu o padrão USB 3.0 e com isso a Apple promete até 10 Gbps. É veloz o suficiente para transmitir arquivos em velocidade até 20 vezes mais rápida que o USB 2.0.

Este incremento aparece como exemplo na possibilidade de conectar um iPhone 15 Pro no MacBook para envio instantâneo de fotos em ProRaw de 48 megapixels, no momento em que são tiradas. É possível até gravar um vídeo em 4K com 60 quadros por segundo em ProRes direto para um SSD externo plugado na porta USB-C.

Já existem protocolos muito mais velozes e recentes, como é o caso do USB 4 Gen4 que sozinho consegue chegar aos 120 Gbps e transmitir 100 watts de energia ao mesmo tempo. Isso é 12 vezes mais veloz que o iPhone 15 Pro Max consegue, mas certamente a Apple reduziu a velocidade para evitar consumo exagerado da bateria e diminuir qualquer aquecimento do smartphone.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!