A Ford apresentou a nova F-150 2024 nos Estados Unidos com diversas novidades, ajustes no design e capacidade de reboque de 6 toneladas. A picape mais vendida da marca terá ainda mais opções de motorização e novidades tecnológicas, como heads-up display (que projeta informações no para-brisa) e modem 5G.

Leia mais:

Ford F-150 2024

  • A nova F-150 será apenas o segundo veículo da Ford a receber 5G como opcional, antes o equipamento estava disponível apenas na picape SuperDuty. 
  • A tecnologia permitirá que a montadora instale atualizações de software remotas no veículo, por exemplo.
  • A F-150 2024 também terá o sistema mais recente Sync 4 da Ford, tela maior de 12″em todas as versões, e 90 dias de teste do BlueCruise como degustação.
  • O software de assistência ao motorista vendido por assinatura conta com diversos recursos, um deles é o alerta para mudança de faixa na rodovia.
Nova Ford F-150 pode rebocar 6.123 kg. Imagem: Divulgação/Ford
Interior da nova Ford F-150, agora com tela principal de 12" como padrão.
Interior da Ford F-150 2024, agora com tela principal de 12″ como padrão. Imagem: Divulgação/Ford

Na caçamba, a Ford continua oferecendo uma tomada com capacidade de alimentar diversos equipamentos. O recurso está disponível em três potências: 2,0 kW, 2,4 kW e 7,2 kW na F-150 Powerboost.

Versão Tremor é a opção com apelo off-road da nova F-150. Imagem: Ford/Divulgação

Motorização

  • A montadora oferecerá motores mais eficientes e econômicos por padrão.
  • A F-150 XL de entrada, por exemplo, terá motor EcoBoost de 2,7 litros a gasolina.
  • Ainda assim, opções com motores V8 de 5,0 litros e o V6 de 3,5 litros ainda serão oferecidas pela em outras configurações da picape.
  • Nenhum dado oficial de desempenho foi revelado pela Ford até aqui.

Quanto custa

A opção mais barata será a XL 2024 com cabine regular, que vai custar US$ 36.570 nos EUA, segundo apuração do The Verge — US$2 mil a mais que a picape de entrada atual da linha.

publicidade

A nova Ford F-150 estará disponível nos Estados Unidos e também no Brasil a partir do início de 2024. Por enquanto, os preços oficiais ainda não foram divulgados pela montadora. O que se sabe é que a nova F-150 híbrida não terá acréscimo no valor em solo americano. A anterior era US$ 3.300 mais cara que a mesma versão a combustão.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!