O anúncio dos novos iPhones 15 e 15 Pro gerou grande expectativa entre os entusiastas da Apple e consumidores em geral. Embora o lançamento em alguns países já seja esta semana, no dia 22 de setembro, a empresa ainda não confirmou uma data de lançamento dos novos aparelhos no Brasil.

Por isso, trazemos as primeiras impressões de veículos internacionais — que costumam receber os aparelhos com antecedência para fazer testes — sobre os novos queridinhos da Apple. E é lógico, assim que os iPhones 15 e 15 Pro chegarem ao Brasil, o Olhar Digital fará reviews dos novos aparelhos.

Leia mais:

Novas linhas iPhone 15 e 15 Pro

  • iPhone 15 (a partir de R$ 7.299) e iPhone 15 Plus (a partir de R$ 8.299): Atualizações incluem vidro traseiro colorido suave e o software Dynamic Island. Ambos têm câmeras duplas e processadores A16 Bionic. O iPhone 15 possui tela de 6,1 polegadas, enquanto o Plus tem uma tela de 6,7 polegadas.
  • iPhone 15 Pro (a partir de R$ 9.299) e iPhone 15 Pro Max (a partir de R$ 10.999): Possuem bordas de titânio mais leves, displays sempre ligados, processadores A17 Pro e novos “botões de ação” laterais. Eles têm três câmeras, com o Pro Max oferecendo um zoom de 5X. O iPhone 15 Pro tem uma tela de 6,1 polegadas, enquanto o Pro Max tem uma tela de 6,7 polegadas.

Design

iPhone 15 (Imagem: divulgação/Apple)
iPhone 15 (Imagem: divulgação/Apple)

O design dos iPhones 15 e 15 Pro tem sido amplamente elogiado por diversos veículos que já tiveram os aparelhos em mãos.

publicidade

Tanto o The Wall Street Journal quanto o The Verge observam a semelhança geral no design dos dois modelos, destacando o acabamento fosco na parte traseira como uma mudança positiva em relação aos modelos anteriores. O WSJ destaca ainda o toque premium do iPhone 15 Pro devido ao acabamento em titânio, enquanto o The Verge menciona a câmera tripla no Pro como uma distinção notável.

Engadget e Pocket-lint também compartilham opiniões semelhantes sobre o design. Eles ressaltam a semelhança entre os modelos, com o acabamento fosco proporcionando uma sensação suave e agradável ao toque em ambos os dispositivos. Ambos os veículos mencionam a sensação mais premium do iPhone 15 Pro devido ao titânio, e a câmera tripla é destacada como uma característica notável. Além disso, concordam que o design é moderno, atraente e ergonomicamente amigável.

Tela

As telas dos iPhones 15 e 15 Pro têm sido alvo de elogios de várias fontes respeitadas. O WSJ e o Engadget destacaram a qualidade impressionante das telas, elogiando a nitidez das imagens e as cores vibrantes. Ambos observaram, no entanto, que a falta de uma taxa de atualização mais alta, como 90Hz ou 120Hz, pode ser uma desvantagem em comparação com alguns concorrentes.

O The Verge também ficou impressionado com as telas, destacando a qualidade da imagem e o brilho excepcional. O site elogiou a introdução do Dynamic Island como uma melhoria na usabilidade, tornando a interação com o iPhone mais intuitiva e informativa. No entanto, assim como as outras fontes, o The Verge também apontou a falta de uma taxa de atualização mais alta como um possível ponto fraco em comparação com alguns concorrentes Android.

Por sua vez, o Pocket-lint enfatizou a qualidade das telas, especialmente em condições de luz solar direta, elogiando as cores vibrantes e o brilho aprimorado. Eles consideraram o Dynamic Island uma adição inteligente que melhora a usabilidade. No entanto, também notaram a ausência de uma taxa de atualização mais alta como uma possível desvantagem, especialmente para aqueles que desejam uma experiência de rolagem e navegação mais suave.

Câmera

iPhone 15 (Imagem: divulgação/Apple)
iPhone 15 (Imagem: divulgação/Apple)

As análises das câmeras dos iPhones 15 e 15 Pro revelam uma variedade de perspectivas. O WSJ elogiou a qualidade das câmeras, destacando seu desempenho sólido em diversas situações de iluminação e a capacidade de captar imagens detalhadas e cores precisas. No entanto, também observaram que os recursos avançados dos iPhones 15 Pro podem ser complicados para usuários casuais.

O The Verge ficou impressionado com as capacidades das câmeras, especialmente o modo de refoco após a captura. Eles elogiaram a versatilidade das câmeras e sua capacidade de capturar ótimas fotos em várias condições de iluminação, embora tenham observado que essa funcionalidade pode não ser perfeita em todas as situações.

Engadget elogiou a qualidade da câmera, mas também notou que os iPhones 15 não trouxeram uma inovação significativa em relação aos modelos anteriores. Eles enfatizaram que, embora a câmera seja excelente, não representa um grande avanço em relação ao iPhone 14, o que pode decepcionar aqueles que esperavam avanços significativos na fotografia móvel.

Enquanto isso, a Pocket-lint destacou a simplicidade e facilidade de uso das câmeras dos iPhones 15 e 15 Pro, elogiando a qualidade das imagens produzidas e a capacidade de ajustar o efeito bokeh após a captura. No entanto, eles também observaram que, em comparação com alguns concorrentes Android, os recursos de câmera podem não ser tão avançados. Além disso, a falta de um zoom óptico de 5x nos modelos regulares pode ser vista como uma desvantagem em comparação com os modelos Pro.

iOS 17

Tanto o WSJ quanto o The Verge destacam as melhorias significativas trazidas pelo iOS 17. O WSJ elogia a integração contínua entre software e hardware, enquanto o The Verge enfatiza as inovações notáveis, como o Action Button e o Voice Isolation, que aprimoram a usabilidade dos dispositivos.

A Engadget também reconhece os recursos úteis do iOS 17, como o Dynamic Island e o Assistência na Estrada, embora eles apontem que a eficácia de alguns recursos pode depender da compatibilidade com outros dispositivos.

A Pocket-lint destaca a simplicidade e a facilidade de uso do sistema operacional, elogiando recursos como a capacidade de transformar fotos em modo retrato após a captura e o Voice Isolation para chamadas em ambientes barulhentos. Eles consideram o iOS 17 um complemento valioso para os iPhones 15 e 15 Pro.

Desempenho

O desempenho dos iPhones 15 e 15 Pro é praticamente unânime, graças aos avançados chipsets A16 Bionic e A17 Pro da Apple. A performance é descrita como suave e ágil, sem problemas de superaquecimento ao lidar com tarefas cotidianas e até mesmo jogos exigentes.

O The Wall Street Journal e o Engadget destacam que ambos os modelos se saem bem em tarefas diárias, com o iPhone 15 Pro, equipado com o chipset A17 Pro, mostrando uma vantagem notável em velocidade e agilidade.

A fluidez do desempenho é destacada pelo The Verge, que descreve uma transição perfeita entre aplicativos e uma experiência livre de superaquecimento durante jogos e atividades intensivas. Eles elogiam o iPhone 15 Pro com o chipset A17 Pro por oferecer uma experiência ainda mais rápida.

A Pocket-lint reforça a excepcional capacidade de processamento dos dispositivos, destacando que ambos mantêm um bom desempenho em tarefas diárias e jogos. O site também reconhece a notável diferença de desempenho do iPhone 15 Pro, graças ao chipset A17 Pro.

Bateria

Tanto o WSJ quanto o The Verge observam que o iPhone 15 oferece um desempenho de bateria sólido, capaz de durar o dia inteiro com uso regular, mesmo com recursos adicionais como o Dynamic Island. Os dois também destacam que a introdução do Dynamic Island e do display mais brilhante não afeta significativamente a vida útil da bateria.

Compartilhando uma visão semelhante, o Engadget elogia a duração da bateria do iPhone 15, que se mantém ao nível do modelo anterior, com até 20 horas de reprodução de vídeo. Eles também observam que a adição do Dynamic Island e do display mais brilhante não impactou negativamente a vida útil da bateria em cenários típicos de uso.

O Pocket-lint concorda que o iPhone 15 apresenta um desempenho sólido em termos de bateria, capaz de durar o dia inteiro com uso regular, mesmo com recursos adicionais como o Dynamic Island. No entanto, enfatiza que o iPhone 15 Plus provavelmente supera o modelo regular em termos de duração de bateria devido ao seu tamanho maior e capacidade de bateria superior.

Botão de ação

Tanto o WSJ quanto o The Verge observam a presença contínua do botão de silenciar/desativar o som no iPhone 15, destacando que essa característica é funcional e útil, especialmente para os usuários que estão familiarizados com sua presença desde os primeiros iPhones. A introdução do Botão de Ação nos modelos Pro não é considerada uma desvantagem significativa no modelo regular.

O Engadget também nota que o iPhone 15 mantém o botão de silenciar/desativar o som, uma característica familiar para os usuários de longa data do iPhone. Eles enfatizam que o botão de silenciar ainda tem sua utilidade e serve a um propósito válido, mesmo com a introdução do Botão de Ação nos modelos Pro.

Destacando a continuidade do botão de silenciar/desativar o som no iPhone 15, o Pocket-lint menciona que essa característica tem estado presente nos iPhones desde 2007. Eles também enfatizam que o botão de silenciar continua a ser uma opção útil e funcional, especialmente para aqueles que não tiveram a experiência do Botão de Ação.

USB-C

iPhone 15 com porta USB-C (Imagem: divulgação/Apple)
iPhone 15 com porta USB-C (Imagem: divulgação/Apple)

A mudança para USB-C é uma das mudanças mais notáveis nos novos iPhones. WSJ e The Verge elogiam a decisão da Apple de finalmente adotar essa tecnologia amplamente aceita e compartilham a empolgação de poder usar um único cabo para carregar vários dispositivos. O WSJ observa que, embora o iPhone 15 ofereça suporte USB 2 em vez de USB 3, essa mudança é bem-vinda, tornando a vida dos usuários mais conveniente.

O Engadget e o Pocket-lint também enfatizam que a transição da porta Lightning para USB-C é uma mudança significativa e muito necessária nos iPhones. Os sites elogiam a decisão da Apple de seguir o padrão da indústria e permitir que os usuários usem um único cabo para carregar vários dispositivos. Embora o iPhone 15 ofereça suporte USB 2 em vez de USB 3, essa mudança é vista como bem-vinda e conveniente para os usuários.

Avaliação Geral

  • Em geral, as primeiras impressões destacam a inovação trazida pelos iPhones 15 e 15 Pro.
  • O WSJ elogia a substituição do notch pelo Dynamic Island, vendo isso como uma melhoria significativa na experiência do usuário.
  • The Verge e WSJ mencionam a qualidade da tela, com o brilho aumentado e a capacidade de interatividade.
  • Eles apontam a ausência do recurso ProMotion e Always-On Display como desvantagens, embora menos cruciais para a maioria dos usuários.
  • O Engadget valoriza a abordagem inovadora da Apple com o iPhone 15 e 15 Pro, destacando o design atualizado, o desempenho fluido dos chipsets e as melhorias na câmera.
  • Eles consideram o modelo regular uma escolha sólida.
  • Pocket-lint aprecia o posicionamento do iPhone 15 como uma alternativa mais acessível ao modelo Pro.
  • Eles elogiam as melhorias de design, a qualidade da tela, o desempenho suave dos chipsets e a durabilidade da bateria.
  • A mudança para USB-C é vista como uma vantagem significativa, e a câmera aprimorada é considerada uma das principais razões para escolher o iPhone 15.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!