A Embraer mostrará pela primeira vez seu avião elétrico no mês que vem, em São Paulo (SP). A aeronave ainda é um protótipo e serve de base para testes de outros projetos tocados pela fabricante brasileira, sendo exposta ao público pela primeira vez desde seu voo inaugural.

Leia mais:

Vídeo relacionado

O que você precisa saber:

  • A Embraer vai levar para São Paulo (SP) seu primeiro avião 100% elétrico, mas que ainda é um protótipo
  • A aeronave estará em exposição para todos no Congresso SAE Brasil, entre 10 e 11 de outubro deste ano
  • Não foram divulgados dados do avião, mas sabemos que ele este protótipo é uma modificação do Ipanema, aeronave bastante popular para pulverização de lavouras
  • A ideia é utilizar os dados e conhecimentos gerados pelo protótipo para criar um avião novo, sem adaptação a partir de um já existente

A aviação não segue exatamente os mesmos passos do setor automotivo quando o assunto é motor elétrico e baterias, mas isso não significa que não temos esforços neste caminho. Um deles é tocado pela fabricante brasileira Embraer e se você estiver em São Paulo (SP) entre os dias 10 e 11 de outubro, poderá ver como será o primeiro avião elétrico da companhia.

Protótipo de avião elétrico (Imagem: divulgação/Embraer)
Protótipo de avião elétrico (Imagem: divulgação/Embraer)

O modelo em exposição ficará no Congresso SAE Brasil, ainda é um protótipo e isso significa que ele, se realmente for transformado em um avião para venda, pode ser diferente do que você vê nas fotos deste artigo. Por outro lado, a Embraer já utiliza este projeto desde 2021, quando a aeronave fez seu primeiro voo de testes.

publicidade

A exposição do avião de testes 100% elétrico, entre outras tecnologias que serão apresentadas na mostra internacional, ilustra a capacidade tecnológica do Brasil de liderar a corrida global de transição energética por meio da inovação e pesquisa aplicada.

Francisco Gomes Neto, Presidente e CEO da Embraer

Avião elétrico da Embraer será diferente do protótipo

Além da Embraer, a WEG e EDP fazem parte do projeto de avião 100% elétrico que é uma modificação considerável para o modelo Ipanema, utilizado amplamente em plantações pelo Brasil para pulverização de materiais. Por outro lado, a empresa garantiu que o modelo comercial será diferente e criado do zero para essa proposta.

Protótipo de avião elétrico (Imagem: divulgação/Embraer)
Protótipo de avião elétrico (Imagem: divulgação/Embraer)

A Embraer não comentou detalhes sobre este protótipo, como a capacidade de baterias, quanto tempo de voo elas comportam ou mesmo quanto pesam. Além do projeto de avião elétrico, a empresa brasileira levará um simulador do jato comercial de nova geração E2 para o evento, além de imersão em realidade virtual do eVTOL da Eve, divisão da marca para o carro voador.