A Tesla lançou oficialmente sua usina de energia virtual (VPP, na sigla em inglês) em Porto Rico (EUA). E graças à grande base de usuários do Powerwall – a bateria de energia solar da empresa de Elon Musk – na região, essa usina pode se tornar a maior do mundo.

Para quem tem pressa:

  • A Tesla lançou oficialmente sua usina de energia virtual (VPP) em Porto Rico (EUA);
  • A VPP em Porto Rico pode se tornar a maior do mundo, com um potencial de mais de 300 MW, de acordo com Drew Baglino, vice-presidente sênior de engenharia da Tesla;
  • Usinas de energia virtuais agregam ativos de energia distribuída, como energia solar de telhado e armazenamento de energia doméstica, para oferecer serviços à rede (por exemplo: reduzir picos de demanda);
  • A VPP lançada na Califórnia teve sucesso em seu primeiro ano e outra foi lançada no Texas, também mostrando-se lucrativa para os proprietários de Powerwall (bateria solar da Tesla);
  • A Tesla confirmou que existem 75 mil proprietários de baterias Powerwall em Porto Rico, que podem se inscrever na VPP por meio do aplicativo da empresa.

Pelo menos, essa é a aposta de Drew Baglino, vice-presidente sênior de engenharia da Tesla. E da empresa, de maneira geral.

Animado por estar trabalhando ao lado de nossos parceiros, Sunova Energy e SunRun, e dos clientes de Powerwall [bateria solar da Tesla] para tornar esta a maior VPP do mundo (potencial de mais de 300 MW) e reduzir rapidamente a frequência e duração dos desligamentos da rede [de energia] em Porto Rico.

Leia mais:

Usinas de energia virtuais da Tesla

Tesla
(Imagem: Vitaliy Karimov / Shutterstock)

Usinas de energia virtuais agregam ativos de energia distribuída, principalmente energia solar de telhado e armazenamento de energia doméstica, para oferecer serviços à rede – entre eles, a redução de picos de demanda.

publicidade

Empresas como a Tesla retiram energia desses ativos dos clientes para ajudar a rede quando necessário e compensam os clientes em troca. Assim, eles se tornam uma usina de energia virtual. É uma maneira de ajudar a rede e tornar os ativos de energia distribuída mais lucrativos.

A usina de energia virtual da empresa de Musk lançada na Califórnia (EUA) já provou ser bem-sucedida em seu primeiro ano. Recentemente, a Tesla lançou outra, no Texas, que também parece ser bastante lucrativa para os proprietários de baterias da fabricante, segundo o site Electrek.

A VPP lançada em Porto Rico é importante porque o estado precisa urgentemente de uma rede de energia mais estável. Considerando a presença em peso de baterias Powerwall na região, a usina da Tesla pode ajudar nisso.

A Tesla também confirmou que já existem 75 mil proprietários dos seus modelos de bateria solar na região, que podem se inscrever na VPP diretamente por meio do aplicativo da Tesla.