A Amazon anunciou, nesta terça-feira (28), que suas vendas na Black Friday subiram 60% ante 2022. Vale ressaltar que a empresa considera período de 11 dias (17 a 27 de novembro) e não só a data em si.

O maior crescimento foi nas categorias:

  • Eletrônicos e Videogames;
  • Eletrodomésticos e Casa;
  • Dispositivos Amazon;
  • Itens de Beleza e Cuidado Pessoal;
  • Brinquedos;
  • Utensílios de Cozinha;
  • Livros.

Leia mais:

Globalmente, a Amazon comercializou, online, mais de um bilhão de produtos. A e-commerce alegou, ainda, que “continuará lançando novas ofertas todos os dias até 24 de dezembro”.

publicidade

A companhia indicou que, dentro das categorias mais vendidas, alguns dos produtos que mais se destacaram nas vendas foram os seguintes:

  • Echo Pop Smart;
  • Echo Dot 5ª geração;
  • Kindle 11ª Geração;
  • Whisky Chivas Regal 12 anos;
  • PlayStation 5;
  • Sabão Omo Lava-Roupas;
  • Samsung Galaxy S23 Ultra 5G;
  • Creatina Soldiers Nutrition;
  • Maionese Heinz;
  • iPhone 14;
  • Livro “A Biblioteca da Meia-Noite”.

Já os produtos mais vendidos da Black Friday na Amazon, segundo a empresa, foram os fabricados por ela, como o Fire TV, Echo e Ring (este último ainda não disponível no Brasil).

E no Brasil?

Por aqui, as categorias com mais vendas foram videogames e celulares/smartphones, especialmente o PS5 e o Echo Pop. Fora destas categorias, destaque também para o sabão em pó Omo.

Entre vendedores parceiros (marketplace), destacaram-se produtos, como creatina, robô aspirador e Smart TVs da Samsung. Entre os livros, os mais buscados foram “É Assim Que Começa”, “Biblioteca da Meia-Noite” e “O Homem Mais Rico da Babilônia”.

A Amazon ainda destacou que, no Brasil, novos membros Prime obtiveram cupons de desconto de até R$ 100 em compras, além da criação de área para influenciadores parceiros mostrarem suas promoções.

Natal

No Natal, a Amazon já indicou suas campanhas: além dos novos descontos que serão revelados até a véspera de Natal em várias categorias, ela subiu uma página com recomendações de presentes.

Destaca-se, ainda, o programa Amazon Quase Novo, pelo qual a e-commerce comercializa produtos seminovos e usados. Nele, ela promete até 35% de desconto no valor dos itens de várias categorias.

Por fim, para consumidores que se arrependerem das compras, o prazo de devoluções da Amazon foi estendido “para a maioria dos itens comprados entre 1º de novembro e 31 de dezembro de 2023”. Portanto, os clientes arrependidos podem devolver a compra até 31 de janeiro de 2024.