Um PC virtual, ou máquina virtual (VM), representa uma versão digital de um computador físico. Um servidor na nuvem executa essa máquina virtual, com a capacidade de rodar aplicativos, sistemas operacionais e outros softwares.

No entanto, antes de começar a usar essa tecnologia, você pode ter dúvidas sobre os requisitos necessários para criar uma máquina virtual na nuvem. A seguir, veja curiosidades uma máquina virtual e descubra como criar a sua.

Leia mais:

Quais os requisitos para criar uma máquina virtual na nuvem

Para criar uma máquina virtual na nuvem, é necessário atender a alguns requisitos básicos. O primeiro é ter uma conta em um provedor de serviços de nuvem, como Amazon Web Services (AWS), Microsoft Azure ou Google Cloud Platform (GCP).

publicidade

Assim como ter um navegador da web e um cliente de terminal. O navegador da web será usado para criar e gerenciar a máquina virtual, enquanto o cliente de terminal será usado para acessar e interagir com ela.

O sistema de nuvem além de ser uma saída para a criação de máquinas virtuais, otimiza tempo, podendo ser acessado de qualquer lugar com uma conexão com a internet. (Imagem: Pexels)

Além disso, é necessário ter um endereço de e-mail válido. Afinal, o provedor de nuvem irá enviar para o seu e-mail uma confirmação para a ativação da nuvem para sua máquina virtual.

Vantagens de usar uma máquina virtual

  • Flexibilidade: Você pode criar e configurar máquinas virtuais rapidamente, de acordo com suas necessidades.
  • Economia: Você só paga pelos recursos de computação quando os usa.
  • Segurança: Você pode isolar as máquinas virtuais umas das outras para proteger seus dados.
  • Escalabilidade: Você pode dimensionar facilmente as máquinas virtuais para atender às demandas de carga de trabalho.

Aplicações no dia a dia de uma máquina virtual

  • Desenvolvimento de software: no desenvolvimento de software, podemos aplicar máquinas virtuais para criar ambientes de desenvolvimento isolados, ajudando a evitar conflitos de software e hardware.
  • Teste de software: usamos máquinas virtuais para criar ambientes de teste seguros e controlados.
  • Execução de aplicativos antigos: usamos máquinas virtuais para executar aplicativos que não são mais compatíveis com o sistema operacional atual.
  • Alocação de recursos: Podemos usar máquinas virtuais para alocar recursos de computação de forma flexível e eficiente.
Por meio de máquinas virtuais, empresas podem usar aplicativos, sistemas operacionais e manusear documentos. (Imagem: Pexels)

Quais as melhores plataformas para criação de máquina virtual na nuvem?

  • Amazon Web Services (AWS): A AWS oferece o serviço EC2 (Elastic Compute Cloud), que permite aos usuários alugar VMs virtuais na nuvem. Você pode escolher entre uma variedade de sistemas operacionais e configurações de hardware.
  • Google Cloud Platform (GCP): O GCP oferece o serviço Compute Engine, que também permite aos usuários alugar VMs na nuvem. Assim como a AWS, o GCP oferece uma variedade de sistemas operacionais e configurações de hardware.
  • Microsoft Azure: O Azure oferece o serviço de Máquinas Virtuais do Azure, que é semelhante aos serviços oferecidos pela AWS e GCP. O Azure também suporta uma variedade de sistemas operacionais e configurações de hardware.
  • IBM Cloud: A IBM Cloud oferece o serviço de máquinas virtuais IBM Cloud Virtual Servers, que permite aos usuários alugar VMs na nuvem.
  • Oracle Cloud: A Oracle Cloud oferece o serviço Oracle Cloud Infrastructure Compute, que permite aos usuários alugar VMs na nuvem.