A Agência Espacial Europeia (ESA) anunciou que a estreia do foguete Ariane 6 deve acontecer entre 15 de junho e 31 de julho de 2024. Depois de 4 anos de atraso, os progressos para o primeiro lançamento do modelo estão acelerados. 

O anúncio foi feito em comunicado pela equipe de testes do foguete, depois que no dia 23, o modelo de carga passou por um teste de fogo, que de acordo com Josef Aschbacher, diretor da ESA, foi um marco e funcionou completamente bem.

O teste aconteceu na plataforma de lançamentos em Kourou, na Guiana Francesa, e durou 426 segundos. Apesar de ser 44 segundos a menos que o esperado, Martin Sion, CEO do ArianeGroup, apontou em comunicado que os resultados foram conforme o esperado.

Para quem tem pressa:

publicidade
  • O Ariane 6 foi idealizado para suceder o quinto modelo do foguete e atender às novas necessidades de lançamento do mercado;
  • Inicialmente ele estava previsto para ser lançado em 2020, mas devido a problemas técnicos e a pandemia do Covid-19 os planos foram adiados;
  • Até o primeiro lançamento, mais testes serão realizados, a fim de garantir a confiabilidade do foguete.

Entre 1996 e 2023, o Ariane 5 lançou mais de 100 missões, incluindo o Telescópio Espacial James Webb e o Jupiter Icy Moons Explorer (JUICE). No entanto, com novas necessidades de lançamento, como redução de custos e o lançamento de satélites para diferentes órbitas ao mesmo tempo, surgiu a necessidade do desenvolvimento de um novo foguete.

O Ariane 6 foi idealizado em 2010 e estava inicialmente previsto para ter seu primeiro lançamento em 2020, no entanto, problemas técnicos e a pandemia do COVID-19 atrapalharam esses planos. Mas agora, as coisas parecem estar indo bem.

Leia mais:

Próximos testes do Ariane 6

A agência espacial tem se preparado para realizar outros dois testes ainda este ano, ambos em situações não habituais. Um deles está previsto para acontecer no dia 7 de dezembro, em Lampoldshausen, no Centro Aeroespacial Alemão, e irá incendiar o estágio superior do foguete. O outro será um teste de carregamento de combustível, em condições levemente anormais, previsto para acontecer no dia 15, em Kourou.

Os outros testes realizados também deverão avaliar condições não habituais de lançamento para avaliar a confiabilidade no foguete. De acordo com Sion, essa confiança deve aumentar ainda mais com a qualificação dos sistemas de lançamento que deverão acontecer em 2024.

É fundamental para a confiabilidade do foguete. Sabemos que essa foi a marca registrada do Ariane 5, e essa confiabilidade é necessária para o Ariane 6 – e o que devemos aos nossos clientes. Não faremos atalhos. Uma revisão de qualificação pode encontrar problemas que foram esquecidos. É melhor encontrá-los lá, do que durante o primeiro lançamento.

Martin Sion

Se tudo ocorrer conforme o planejado, o Ariane 6 deve voar pela primeira vez em meados de 2024 e seu primeiro voo comercial deve acontecer até o final do ano. A ESA pretende que o máximo de voos sejam realizados em 2025 e nos próximos anos, algo entre 9 e 10 missões anuais.