Sam Altman, CEO da OpenAI, reforçou sua visão para o Worldcoin, um projeto de criptomoeda que busca criar uma identidade global e uma rede financeira. Esta afirmação veio após relatos de que a Tools For Humanity, empresa por trás do Worldcoin, buscava levantar US$ 50 milhões (aproximadamente R$ 250 milhões) em financiamento.

Para quem tem pressa:

  • Sam Altman e a Visão do Worldcoin: Sam Altman, CEO da OpenAI, reforçou sua visão para o Worldcoin – criptomoeda que visa criar uma identidade global e uma rede financeira – durante uma sessão de perguntas e respostas organizada pelo FT Partners;
  • Identificação Humana em um Mundo de IA: Altman destacou a importância de identificar humanos em um mundo cada vez mais influenciado pela inteligência artificial. Ele acredita que a capacidade de identificar humanos se tornará crucial à medida que a IA se torna mais integrada em nossas vidas;
  • Esforços de Arrecadação de Fundos: A Tools For Humanity, empresa por trás do Worldcoin, busca levantar US$ 50 milhões em fundos. A Worldcoin já arrecadou US$ 115 milhões em uma rodada de financiamento liderada pela Blockchain Capital, com participação de grandes investidores.
  • Adesão ao Worldcoin: Mais de 2,6 milhões de pessoas já se inscreveram no Worldcoin, aceitando ter suas íris escaneadas por dispositivos chamados “orbes” em troca de identificação digital e criptomoeda gratuita.

Altman participou de uma sessão de perguntas e respostas virtual, na quinta-feira (14), organizada pelo FT Partners, um banco de investimento especializado em fintech, na qual abordou o projeto. As informações são da agência de notícias Reuters.

Leia mais:

Sam Altman e Worldcoin

Pessoa segurando orbe da Worldcoin enquanto tem seus olhos escaneados
(Imagem: Divulgação/Worldcoin)

O CEO da OpenAI enfatizou a importância crescente da identificação de humanos num mundo cada vez mais dominado pela inteligência artificial (IA).

publicidade

Em um mundo com muita IA, saber quem é humano é cada vez mais importante. A crença era e é que, à medida que a IA se torna uma parte cada vez mais importante de nossas vidas, a capacidade de identificar humanos seria cada vez mais importante.

Sam Altman, CEO da OpenAI

A declaração veio uma semana após o The Block, site especializado em criptomoedas, revelar os esforços de arrecadação de fundos da Worldcoin. Segundo o portal, a empresa está vendendo tokens criptográficos do projeto com desconto.

A empresa já havia levantado US$ 115 milhões (R$ 575 milhões) numa rodada de financiamento da Série C, liderada pela Blockchain Capital e com participação de importantes investidores como a a16z e a Bain Capital Crypto.

Após seu lançamento, em julho, vários reguladores, incluindo os do Reino Unido e da Alemanha, começaram a analisar o projeto. Até o momento, mais de 2,6 milhões de pessoas tinham se inscrito no Worldcoin. Todas concordaram em ter suas íris escaneadas por dispositivos especiais chamados “orbes” em troca de identificação digital e criptomoeda gratuita.