A DocuSign, fornecedora de serviços de assinatura de documentos, anunciou nesta terça-feira (6) que vai demitir 6% dos seus funcionários.

De acordo com o relatório mais recente junto à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos, a companhia possui um quadro de 7.336 trabalhadores, o que significa que os cortes afetarão cerca de 440 empregos.

Leia mais

Em comunicado, a DocuSign afirmou que a medida faz parte de um plano de reestruturação que visa melhorar a “eficiência financeira e operacional” da empresa.

publicidade

A companhia acrescenta que esse plano de reestruturação estará praticamente concluído até o final do segundo trimestre fiscal de 2025.

O provedor de assinaturas online disse, por fim, que as demissões vão atingir, principalmente, funcionários das áreas de vendas e marketing.

Após a notícia, as ações da DocuSign caíram mais de 6% na manhã desta terça-feira.

As informações são da CNBC.

As ondas de demissões nas empresas de tecnologia

  • A própria DocuSign já havia demitido centenas de trabalhadores nos últimos meses.
  • Em fevereiro do ano passado, por exemplo, foram cerca de 750.
  • Os anos de 2022 e 2023, aliás, foram de cortes massivos nas empresas de tecnologia.
  • Segundo o site layoffs.fyi, foram 165 mil demissões em 22 e outras 262 mil em 23.
  • Antes, as demissões vinham após a pandemia, com a desaceleração da demanda decrescente e os temores de recessão e do aumento dos juros.
  • Agora em 2024, as demissões diminuíram, mas continuam – e com o perfil um pouquinho diferente.
  • De acordo com o mesmo site layoffs.fyi, já foram registrados 33 mil cortes em menos de 40 dias.
  • Foram demissões praticadas por mais de 100 empresas tech, incluindo grandes nomes do setor como Microsoft, Google, Apple e Amazon.

Fase do mais com menos

O Olhar Digital já preparou um texto específico sobre essa nova fase de demissões. E o nome dela é justamente o título deste tópico: a de fazer mais com menos trabalhadores.

A ideia é antiga, mas parece ter funcionado em algumas empresas de tecnologia. A Meta, por exemplo, bateu recorde em valor de mercado após demitir um terço do pessoal.

Outro conceito nessa fase é o de investir melhor os recursos. Você tira dinheiro de projetos e coloca em produtos, como a Inteligência Artificial.

Você pode ler mais sobre o assunto aqui.