Um anúncio que esquentou o mercado dos veículos elétricos no ano passado foi quando a Ford anunciou que seus modelos poderiam ser carregados com o Supercharger Tesla. Houve promessas de adaptadores para modelos Ford antes mesmo de tudo passar a valer oficialmente, mas ainda não se sabia como tudo iria funcionar na prática.

Leia mais:

As soluções

Novas informações, no entanto, que chegaram ao site Inside EVs, já indicam que os proprietários de um modelo elétrico da Ford não precisaram instalar nenhum aplicativo novo, e não serão, portanto, obrigados a se vincular com uma conta na Tesla para o uso e pagamento do Supercharger.

  • O uso de adaptadores deve ser suficiente para fazer com que o Supercharger Tesla funcione para carregar a energia de um modelo elétrico da Ford.
  • Marty J. Günsberg, porta-voz da Ford, confirmou que, para usar os Superchargers Tesla, os proprietários de Ford só vão necessitar usar seu aplicativo FordPass e conta BlueOval Charging Network.
  • Trata-se de uma ótima notícia para os proprietários da Ford, que não vão precisar lidar com contas extras ou sistemas de pagamento.
  • A “rede” da BlueOval é, na verdade, uma conta vinculada para acessar uma variedade de carregadores de terceiros, incluindo estações de propriedade da Electrify America, ChargePoint, EVgo, Blink e, em breve, Tesla.

“A BlueOval Charging Network fornece uma conta de pagamento armazenada perfeitamente por meio do aplicativo FordPass. Tudo é feito partir da tela sensível ao toque do veículo, o que elimina a necessidade de uso de cartão de crédito no local”, escreveu Günsberg.